EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

20 de Janeiro de 2020

Diogo Vitor descumpre promessa e falta a mais um treino do Santos

O jogador também não justificou a ausência na atividade, que estava marcada para começar às 8 horas

Pela quarta vez na semana, o meia-atacante Diogo Vitor não compareceu ao CT Rei Pelé para treinar com o Santos B. O jogador havia prometido à diretoria, nesta quarta-feira (16), que se apresentaria na manhã desta quinta-feira (17), mas não o fez - inicialmente, ele teria de ter se apresentado na última segunda-feira (13) com o restante da equipe.

O jogador também não justificou a ausência na atividade, que estava marcada para começar às 8 horas. 

Antes de voltar aos treinamentos, Diogo Vitor terá que explicar as recentes faltas para o superintendente de futebol do Santos, William Thomaz. O dirigente também quer saber o que o atleta pensa para a sequência da carreira.

O descompromisso do jogador, que tem contrato até fevereiro de 2021, já fez o Santos perder a paciência e as esperanças no seu futuro como atleta profissional. 

Com longo histórico de faltas e indisciplina, Diogo Vitor foi flagrado no exame antidoping da partida entre Santos e Botafogo-SP, pelas quartas de final do Campeonato Paulista de 2018, e como punição foi suspenso por um ano e meio.

Liberado no final de 2019, o atleta voltou a treinar individualmente no CT Rei Pelé no final da temporada passada. Mas, em 2020, ainda não deu as caras no trabalho.

Tudo sobre: