'Turma da Mônica: Laços' abrirá o 4° Santos Film Fest

O maior festival de cinema do Litoral Paulista acontecerá entre os dias 26 de junho e 3 de julho

A quarta edição daquele que já é considerado o maior festival de cinema do Litoral Paulista acontecerá entre os dias 26 de junho e 3 de julho, em diversos locais de Santos. Na abertura, o evento receberá a pré-estreia do filme 'Turma da Mônica: Laços', com distribuição Paris Filmes e Downtown Filmes, no Cine Roxy 5.

Estão confirmados os atores Giulia Benitte (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Laura Rauseo (Magali) e Gabriel Moreira (Cascão), bem como do diretor do longa, Daniel Rezende.

Aliás, Rezende será homenageado pela sua trajetória relevante no audiovisual brasileiro, recebendo o Troféu Luciano Quirino. A outorga leva o nome do ator santista cuja carreira tem mais de 30 anos e papéis de destaque no cinema, no teatro e na televisão.

No filme que adapta a graphic novel escrita e desenhada pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi, Floquinho, o cachorro do Cebolinha, desapareceu. O menino desenvolve então um plano infalível para resgatar o cãozinho, mas, para isso, vai precisar da ajuda de seus fiéis amigos Mônica, Magali e Cascão. Juntos, eles irão enfrentar grandes desafios e viver aventuras para levar o cão de volta para casa.

No elenco também estão Rodrigo Santoro, Monica Iozzi e Paulo Vilhena. A sessão, programada para as 20h30, será para convidados, sorteados nas redes sociais do festival, e contará com presenças de crianças de creches e escolas. O longa estreia nacionalmente no dia seguinte.

Ainda no dia 26, por volta de 19h, será entregue uma Estrela da Calçada da Fama do Roxy a um importante artista santista, cujo nome será surpresa.

O Festival

Num momento em que o mundo vive uma crise política e social, o 4º SFF entende ser imprescindível refletir as relações humanas, promover o amor, a amizade, os bons sentimentos. Por isso, celebra os 40 anos do lançamento do filme 'Hair', de Milos Forman, e adota como tema 'Deixe a Arte Entrar', alusão à icônica canção deste musical, 'Let the Sunshine In' ('Deixe o Sol Entrar', no Brasil).

“A arte transforma, educa, melhora o ser humano, a sociedade. Vivemos tempos de radicalismos, confrontos, por isso é importantíssimo celebrarmos temas mostrados no filme, como a busca pela paz, pelo respeito às diferenças, pela liberdade”, destaca o diretor do festival, o crítico de cinema e produtor André Azenha.

A programação do festival, toda gratuita, ocupará vários lugares da cidade, entre eles o Cine Roxy 5, Cine Roxy 4, Cine Arte Posto 4, Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss), Cinemateca de Santos, Sesc, Open House idiomas e Shopping Pátio Iporanga.

Agnès Varda e Mostra

Não à toa, todo o material gráfico do festival traz representada a figura da cineasta belga radicada na França, Agnès Varda (1928-2019), que faleceu este ano e foi pioneira em diversas formas no meio cinematográfico.

Seus filmes focavam no realismo documental, ou formas não-ficcionais de mídia, mirando no feminismo e/ou em produzir críticas sociais em um estilo experimental. Filmes dela serão exibidos no festival, numa parceria do festival com a Cinemateca Francesa.

Vencedora do prêmio da crítica no 3º Santos Film Fest por 'Henfil', a diretora Angela Zoé também ganhará uma retrospectiva de sua carreira nesta edição. Serão exibidos, além de 'Henfil', 'Meu Nome é Jacque', 'Betinho – A Esperança Equilibrista', todos no Cine Arte e, no encerramento, no Roxy 5, 'Ele Era Assim: Ary Barroso'.

O 4° SFF ainda terá Mostra Competitiva, Virada Cinematográfica e programação formativa. Mais informações no site.

Tudo sobre: