Meio ambiente em foco no documentário 'A Água que Falta'

Filme, com cenas da região, será exibido em sessão gratuita no Roxy Pátio Iporanga

A partir de um discurso feito em 2013, pelo secretário geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, o diretor carioca Sérgio Lopes decidiu gravar o documentário 'A Água Que Falta', que alerta para a importância da preservação dos recursos naturais. E nesta terça-feira (3), às 21h, o filme será exibido em sessão especial gratuita no Cine Roxy 4 (Pátio Iporanga, na Avenida Ana Costa, 465, Gonzaga).

A ação é fruto da parceria entre a rede de cinemas e o Instituto EcoFaxina, que atua na limpeza e no monitoramento de ecossistemas costeiros da Baixada Santista.

“'A Água Que Falta' aborda desde a crise de abastecimento até a poluição desenfreada nos dias atuais, o que também pode ser observado na nossa região”, explica o diretor presidente do Instituto EcoFaxina, William Rodriguez Schepis.

Para o biólogo, a poluição do Estuário de Santos está entre os maiores problemas da Baixada Santista. “A falta de cuidado com os rios afeta diretamente o ambiente marinho, que acaba prejudicando desde a saúde pública a setores como o turismo”, adverte.

Além do depoimento de William, o documentário apresenta grandes nomes da luta pela conservação da água, como Benedito Braga, presidente do Conselho Mundial da Água; e Seth Siegel, ativista americano. Há, ainda, gravações com outros representantes da gestão pública.

“A participação do Instituto nesta produção vai além do meu depoimento. Algumas imagens exibidas ao longo do filme foram captadas por nós e mostram a realidade da região”, apontou William Schepis.

Debate

Após a exibição de 'A Água Que Falta', a sala de cinema será palco de um debate sobre o tema, que contará com a participação da presidente da Comissão de Meio Ambiente da OAB Santos, Luciana Schlindwein Gonzalez, do ex-secretário de meio ambiente de Santos, Fábio Alexandre Nunes, e do biólogo marinho William Schepis.

“O engajamento do público será de grande importância, tanto pelas dúvidas que serão esclarecidas, quanto pelas informações que serão compartilhadas sobre a Baixada Santista”.

Tudo sobre: