EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

20 de Novembro de 2019

Companhia chinesa estreia o show 'My Dream' na Capital

Grupo é composto de 20 bailarinos cegos e seis instrumentistas surdos

Assim como a superação do ser humano quebra barreiras, também atravessa fronteiras. Exemplo disso é o grupo China Disabled People’s Performing Arts Troupe (CDPPAT). Pela primeira vez no Brasil, 20 de seus bailarinos cegos e seis instrumentistas surdos trazem o espetáculo 'My Dream' ao Teatro Opus, em São Paulo, nas quartas e quintas-feiras. A apresentação já foi realizada em mais de 100 países.

A perfeição dos movimentos é de encantar os olhos do espectador. Não por acaso, os integrantes receberam o título de Artista da Paz pela Unesco em 2007, além do convite para abrir as Olimpíadas de Pequim em 2008. E repetirá o feito nas Olimpíadas de Inverno de 2022 na capital chinesa.

Para dar um gostinho da experiência olímpica, o público poderá conferir a sequência musical de 'Pássaros Brancos' (The White Bird), tocada nos Jogos Olímpicos de Inverno para Deficientes em Pyeong Chang, na Coreia do Sul. Os artistas também exploram a ilusão de ótica para tornar a apresentação ainda mais atraente.

Os integrantes do grupo dançam orientados pelas vibrações da música folclórica e tradicional chinesa. O balé clássico e a linguagem de sinais complementam as coreografias. A coordenação artística fica a cargo da condutora gestual Jing Xiaodi. Ela é a única que não tem deficiência.

O espetáculo 'My Dream' integra o projeto Dance in China, que leva produções culturais de dança chinesa para o mundo inteiro. Os ingressos variam de R$ 100 a R$ 200, e podem ser comprados pelo site da Uhuu ou no teatro onde ocorre a apresentação.

Primeiro passo

A China Disabled People’s Performing Arts Troupe (CDPPAT) foi fundada em 1987, na China, quando 30 pessoas com deficiência decidiram criar oportunidades aos que desejavam adentrar o mundo das artes cênicas, mas eram excluídos pela sociedade por não se encaixarem no padrão físico.

A companhia é mantida pela China Artsand Entertainment Group (CAEG), a maior empresa cultural estatal da China.

Tudo sobre: