EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

3 de Abril de 2020

Os 10 coquetéis mais pedidos do ano

Uma das publicações mais respeitadas pelo setor é do Drinks Internacional, que faz uma pesquisa com os 100 melhores bares do mundo e o Brasil aparece três vezes

Final de ano é sempre a mesma coisa, tem retrospectiva dos fatos marcantes, previsões para o próximo ano, chuva de simpatias e é claro, listas dos melhores. E para não fugir da tradição vamos à lista dos 10 mais no mundo dos coquetéis. Geralmente, a mídia especializada em bebidas divulga suas listas na primeira semana de janeiro, já com suas expectativas de tendências para o ano corrente.

Uma das publicações mais respeitadas pelo setor é do site Drinks Internacional, que faz uma pesquisa com os 100 melhores bares do mundo inteiro. Cada um deles lista os dez coquetéis clássicos mais vendidos no seu bar. A partir desses números se monta a superlista “50+”, os cinquenta coquetéis mais vendidos do ano. Vou resumir a lista com o Top 10 Coquetéis mais pedidos em 2019 pelo mundo!  

Temos três brasileiros na lista dos 100 melhores bares do mundo. Os três ficam em São Paulo e vale muito a pena conhece-los. Guilhotina Bar (15°), SubAstor (51°) e Frank Bar (96°).

Se fosse feito um ranking da nossa região, com certeza os três primeiros coquetéis mais vendidos seriam Caipirinha, Gin Tônica e Moscow Mule. Para se ter uma ideia o Gin Tônica nem aparece entre os cinquenta mais pedidos no mundo, mesmo tendo vários coquetéis com base de Gin e a Caipirinha ficou no 42° lugar. Mas nós, brasileiros, temos uma predileção por drinques mais adocicados, como aquelas batidas do Zé da Batidas, lembra dele?

Top 10 do mundo 

Old Fashioned é o mais vendido em 30% dos bares consultados. Clássico, faz parte do primeiro livro de coquetéis da história, de 1862. Uma elegante e equilibrada mistura de whiskey, bourbon ou rye whisky, angostura, torrões de açúcar que podem ser substituído por xarope de açúcar (2 para 1) uma fatia de laranja e uma cereja como guarnição.

2°  Negroni, que já ganhou um texto sobre sua história nessa coluna, tem três partes iguais de campari, vermute tinto e gin.

Whisky Sour, um centenário que geralmente é a porta de entrada para os principiantes no mundo dos coquetéis com whisky, suco de limão, açúcar e cereja.

Daiquiri, com rum carta branca, licor de laranja, suco de limão e açúcar. O coquetel de rum mais pedido da lista dos 50+.

Manhatan, clássico de quase 140 anos que nunca sai de moda, Feito com rye whisky (whiskey de centeio), vermute doce e angostura.

Dry Martini o coquetel mais famoso do mundo! Muito Gin, algumas gotas de vermute seco, azeitona, sempre mexido e nunca batido!

Expresso Martini, um clássico em ascensão que está se revigorando assim como a indústria da vodka e é preparado com café expresso, licor de café, vodka e gelo. Arrisque-se com esse after dinner!

8°  Margarita, o coquetel de Tequila mais famoso do mundo e o mais pedido entre os bares, tequila, licor de laranjas e suco de limão com a borda da taça com sal. Lembre-se sempre, Margarita é o coquetel e Marguerita é a pizza!

Aperol Spritz, que já teve seus anos de glória, mas nunca sai de moda nos verões europeus e nas tardes quentes da Baixada Santista. Refrescante e equilibrado, é preparado com Aperol, Prosecco e água com gás.

10º Moscow Mule, que também é queridinho dos santistas. A receita original leva vodka, suco de limão, cerveja de gengibre e pasmem, não tem espuma no topo da caneca!

 

Tudo sobre: