Duas receitas inspiradas na salada caprese para o fim de semana

Filé caprese ao molho de vinho e massa à caprese com pesto são fáceis e deliciosas

Uma delícia leve e muito saborosa (Foto Alexsander Ferraz)Uma combinação imbatível é a caprese: tomate, manjericão e muçarela. Cores lindas e sabores que são bons sozinhos e ainda melhores juntos. Regado com um bom azeite e uma pitada de sal e pimenta é a perfeição. 

'Assine o Portal A Tribuna agora mesmo e ganhe Globoplay grátis e dezenas de descontos'

A origem desse trio mágico é um lugar não menos mágico: a Ilha de Capri, na Itália. Há várias versões de como ela nasceu, mas como aquela região tem esses três ingredientes de excelente qualidade, possivelmente foi um casamento natural. 

Porém, a primeira menção impressa da Salada Caprese foi em um menu no Hotel Quisisana. 

Ela teria ficado famosa quando o Rei Farouk, do Egito, na década de 1950, pediu ao seu chef um lanche leve à tarde e o mesmo serviu um sanduíche Caprese. Isso é o que se conta...

Os turistas começaram a se reunir na região e a salada Caprese logo se tornou conhecida como um símbolo (delicioso) de Capri. Com o tempo, a receita foi refinada e melhorada com a adição de mussarela de búfala no lugar da tradicional.

Menos é mais

Como muitos pratos de cozinha italiana, a salada Caprese é tão popular porque é mesmo fácil de preparar e é sucesso certo se os ingredientes forem bons. 

A começar pela muçarela. A de búfala fica melhor, pois é mais leve e fresca. Os tomates devem estar perfeitamente maduros (não muito moles e não tão firmes) e com uma cor vermelha brilhante. Folhas de manjericão fresco bem perfumadas, polvilhadas por cima.

Versátil

Não só um prato incrivelmente simples, mas também muito versátil. Há salada Caprese – a original e sua variação em sanduíche, igualmente deliciosa. Aqui, me inspirei na caprese para criar outras receitas deliciosas. Anote.

RECEITAS

Filé à Caprese com molho de vinho

Ingredientes: 4 filés (usei miolo de alcatra poque estava bem molinho mas pode ser mignon ou contrafilé); 4 fatias grossas de muçarela; 8 fatias de tomate bem maduro; 8 folhas de manjericão; sal e pimenta-do-reino moída a gosto e azeite o quanto baste.

Molho: 150 ml de vinho tinto; 100 ml de água: 1 folha de louro; 1 ramo de alecrim e 1 dente de alho sem casca.

Preparo: tempere os filés com sal, pimenta e um fio de azeite. Esquente uma frigideira antiaderente (até ficar bem quente), coloque os filés, um de cada vez, e deixe por cerca de 3 minutos de cada lado (se forem altos). Grelhe todos. Reserve. Depois, na mesma frigideira, coloque o vinho, a água, a folha de louro, o alho e o alecrim. Deixe ferver e abaixe o fogo. Mantenha assim até reduzir à metade do volume. Coe e reserve. Esquente o forno a 200ºC e, em uma assadeira, coloque os filés e, sobre cada um, uma fatia de tomate e uma de muçarela. Cubra com outra fatia de tomate e leve por cinco minutos ao forno ou até a muçarela derreter. Enfeite com manjericão e sirva acompanhado do molho de vinho.
Rendimento: 4 porções.



Orecchiette à Caprese
Ingredientes pesto:
1 dente de alho; 1 colher (chá) de sal; 2 xícaras (chá) de folhas de manjericão fresco; 3 colheres (chá) de pinoli ou nozes sem casca; 100g de queijo parmesão ralado; 1 xícara (chá) de azeite e pimenta-do-reino a gosto.

Salada: 500g de macarrão tipo orichiette (ou outro de sua preferência) cozido al dente; 15 tomates cereja cortados ao meio; folhas de manjericão; 200g de muçarela de búfala; 3 filés de peito de frango, cortados em cubos; sal e pimenta a gosto; suco de 1/2 limão e azeite para finalizar.

Preparo pesto: bata tudo no liquidificador ou processador, adicionando o azeite aos poucos para emulsificar. Reserve.Tempere o frango com suco de limão, sal e pimenta e refogue em fogo alto no azeite até ficar cozido. Junte o macarrão cozido com a muçarela picada em cubos, os tomatinhos, o frango em cubinhos e junte o pesto. Misture bem e veja se é preciso acertar o sal e a pimenta moída. Leve à geladeira. Na hora de servir, regue com azeite.

Rendimento: 6 porções.

Tudo sobre: