Traga a primavera para a mesa de casa

Débora Henriques ensina formas práticas de receber bem, no melhor estilo da estação, e mostra um pouco do seu lar

Trago hoje uma mesa perfeita para a chegada da primavera, montada ao ar livre ou na varanda, e também mostro detalhes da minha casa, pensados para receber com conforto e carinho. A mesa tem arranjos da designer floral Pupy Zogaib, que harmonizam com o clima despojado da produção.

Assine A Tribuna agora mesmo por R$ 1,90 e ganhe Globoplay grátis e dezenas de descontos!

Ainda recebo vocês na minha casa, local onde a hospitalidade começa pelo hall e segue no canto do café, no bar, na mesa de chá na varanda, no lavabo e na parede de pratos da minha sala de almoço, que são das minhas coleções, lembranças de viagens e presentes que recebi.

As fotos são de Alexsander Ferraz.

>> O caminho tem vasos rústicos de orquídeas variadas, que combinam com a louça, pintada à mão. Os vasos foram encaixados sobre folhagens e são o ponto focal. O porta-guardanapo é um detalhe versátil. De acrílico, tem um reservatório para colocar água e conservar flores e ervas naturais, que podem ser trocadas para combinar com a mesa.>> Os sousplats de ratan são rústicos e combinam com o arranjo floral. Os jogos americanos, conjunto dos guardanapos, são em verde-água, para iluminar e dar mais leveza à mesa. Os talheres seguem o clima despojado do almoço.
>> As taças de água em verde são pontos de luz na mesa. As de vinho devem ser transparentes para mostrar a bebida. Isso é uma regra para apreciadores da bebida. Varie a altura dos copos.
 

 

 

>> A hospitalidade começa pelo hall, com álcool em gel, flores para perfumar, purificar e dar boas-vindas, um espelho e peças que trazem boa energia.

 

>> No bar, a bandeja de prata exibe taças de cores e alturas variadas. Garrafas e jarras compõem a produção. Coloque sempre um arranjo floral. Em um cantinho, o kit para Gim Tônica, agora em alta, deixa tudo à mão para os convidados se sentirem à vontade.

 

>> No cantinho do café, além do expresso, um bule para o coador, em uma bandeja com xícaras de várias coleções. Para facilitar, bolo e doces já ficam dispostos ao lado de pratinhos e talheres. Para perfumar, grãos de café sobre o bufê. As flores devem estar sempre presentes: aqui o arranjo foi feito em um bulê. 

 

>> No lavabo, deixo toalhas individuais em bandejas e um cesto para colocá-las após o uso. Além da saboneteira, flores, infusores e velas perfumam e purificam. Mantenho visível, em uma caixa de vidro, um kit para socorrer os convidados em variadas situações com agulha e linha, fio dental, remédios para dor de cabeça e absorvente feminino, colocados em saquinhos de linho.

 

>> A parede de pratos na sala de almoço faz sucesso e conta uma história: são louças das coleções assinadas por mim, presentes, peças trazidas de viagens... 
Tudo sobre: