EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

8 de Agosto de 2020

Cadela Kira é a primeira de instituto treinada para acompanhar cadeirante

Qualquer pessoa, cumprindo alguns requisitos, pode ajudar a socializar pets que um dia vão se tornar cães de serviço. Entidade busca voluntários

O Instituto Magnus – entidade sem fins lucrativos que contribui para a inclusão social por meio de cães de assistência – está procurando voluntários que possam se tornar famílias socializadoras.

A ideia é que essas pessoas ajudem na formação de cães de serviço. Os mais comuns são os cães-guia, que auxiliam quem tem alguma deficiência visual. Recentemente, a instituição começou a formar cães de assistência como a Kira, golden retriever socializada pela modelo e apresentadora Ana Hickmann (foto).

A cadela, que inicialmente era treinada para ser guia, teve sua personalidade estudada e virou o primeiro cão de assistência a cadeirante da entidade. Está com Bruno Landgraf das Neves, paraplégico. Agora, Ana está socializando a labradora Itália.

Para ser voluntário ou tentar ter um cão da instituição é preciso entrar num processo seletivo. A inscrição deve ser feita pelo site www.institutomagnus.org.

Tudo sobre: