Centro de Combate ao Coronavírus de São Vicente deixa de realizar exames por falta de médicos

Munícipes tiveram que ir para casa depois de receberem a informação de que nenhum médico compareceria na unidade nesta terça-feira (17)

Quem aguardava para realizar o teste da Covid-19 no Centro de Combate ao Coronavírus de São Vicente teve que voltar para casa por falta de médicos nesta terça-feira (17). Após esperarem por cerca de uma hora na porta do local, os munícipes foram informados que o atendimento não seria possível, pois nenhum médico estaria presente na unidade. 

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal, GloboPlay grátis e descontos em dezenas de lojas, restaurantes e serviços!

Essa sugestão de reportagem foi feita pela internauta Eli Leka. Você também pode entrar em contato conosco via WhatsApp, pelo número (13) 9 9642 8222, ou pelo E-Mail, g1at@grupo-tribuna.com. Ao mandar sua mensagem, deixe seus dados completos, relate o problema ou a sugestão de pauta e anexe fotos e vídeos.

Uma das munícipes que precisava de atendimento era Eli Leka. A auxiliar de serviços gerais conta que começou a ter os sintomas como dor no corpo, coriza e dor de cabeça entre sábado e domingo. Por isso, decidiu procurar o centro.

Fila para passar pelo médico e realizar o exame começou a ser formada antes das 9h (Foto: Divulgação)

Antes das nove horas da manhã, horário em que a unidade abre, a fila já começava a se formar. Por isso, teve que aguardar na porta, enquanto garoava. “(A funcionária) falou que não podia abrir a porta, pois estava aguardando o médico chegar e ficou assim até 9h55, quando dispensaram todo mundo. Pediu desculpas e ficaram com vergonha. Deu para perceber que as pessoas que trabalham lá estavam chateadas”, conta a moradora. 

Ainda segundo Eli, ela teve que faltar no trabalho para fazer o exame e está preocupada, pois vai ter que voltar para casa sem saber se está com a doença. Os munícipes ainda foram informados que a situação pode ficar igual na quarta-feira (18). Apesar da informação, Eli releva que tentará comparecer amanhã novamente, pois necessita do teste.

Procurada por ATribuna.com.br, a Prefeitura de São Vicente não se posicionou a respeito do problema até a publicação desta reportagem.

Tudo sobre: