Governo do Estado pretende privatizar a Hidrovia Tietê-Paraná

Transporte hidroviário é estratégico para o Porto de Santos

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou que pretende privatizar a Hidrovia Tietê-Paraná. Segundo ele, a venda criará um ponto importante para escoar a carga para outros países, como o Uruguai e a Argentina.

A hidrovia é estratégica para o Porto de Santos, transportando cargas das zonas produtoras de outros estados até o interior paulista – onde são carregadas em trens ou caminhões e seguem para o cais.

Tudo sobre: