EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

5 de Agosto de 2020

Liminar obriga presidente Bolsonaro a utilizar máscara no Distrito Federal

O descumprimento da medida implica pena de multa diária de R$ 2 mil

Uma decisão da Justiça Federal, em caráter liminar, determinou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) seja obrigado a usar máscara em espaços públicos do Distrito Federal. O descumprimento da medida implica pena de multa diária de R$ 2 mil. As informações são do portal de notícias G1.

Segundo a publicação, a determinação atende a uma ação civil pública movida por um advogado. Ainda de acordo com a liminar, a União também deverá exigir o uso de máscaras por servidores e colaboradores do governo federal que estão em serviço. A não utilização implica em multa diária de R$ 20 mil.

O uso do equipamento é obrigatório em áreas públicas de Brasília desde 30 de abril. Em maio, o presidente participou de atos a favor do governo, com aglomeração de pessoas e sem usar máscara. Dias depois, Bolsonaro voltou a ser flagrado sem o equipamento, durante um passeio de moto aquática no Lago Paranoá.

Ainda em maio, em novo ato de apoiadores, Bolsonaro foi até o cercado do Palácio do Planalto onde se aglomeravam as pessoas. Depois, ele montou em um cavalo da patrulha militar e cavalgou entre os manifestantes, acenando. Novamente, sem máscara. 

*com informações do G1

Tudo sobre: