Funcionário é demitido da Ambev após fazer comentários homofóbicos nas redes sociais

Um grupo de apoio aos LGBTI+ dentro da própria empresa identificou o homem e encaminhou a queixa para a direção

Um funcionário da fabricante de bebidas Ambev foi demitido depois de fazer diversos comentários homofóbicos em suas redes sociais. A decisão da empresa aconteceu nesta quarta-feira (13), após identificar o homem comentando uma notícia que um casal gay foi impedido de alugar um imóvel no Rio de Janeiro. 

"Nem são gente, essa raça maldita", escreveu o funcionário ao dizer que nunca alugaria sua residência para homossexuais. 

Um grupo de apoio aos LGBTI+ dentro da própria fabricante recebeu a queixa e repassou para a direção. Imediatamente, a Ambev desligou o funcionário. 

Em nota, a empresa afirmou que 'não aceita que as pessoas faltem com o respeito ou sejam preconceituosas', e reforçou que 'sempre apoiará o respeito e todas as formas de amor'.

*com informações do jornal Extra

Tudo sobre: