EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

20 de Junho de 2019

Santos empata com União Mogi e está eliminado na Copa São Paulo 2019

Peixe não saiu do zero a zero contra os donos da casa e repete campanha de 2015, quando também caiu na primeira fase da competição

O Santos está eliminado da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2019. O Peixe ficou no empate, sem gols, contra o União Mogi, nesta quinta-feira (10), em partida disputada no Nogueirão, em Mogi das Cruzes. O jogo foi válido pela 3ª rodada do grupo 25 da competição.

Com o resultado, o Peixe terminou em terceiro lugar da chave, com 4 pontos. O líder do grupo foi o São Caetano, com 7 pontos, seguido pelo próprio União Mogi, com 5 pontos. As duas equipes seguem na disputa pelo título.

A última vez que o Alvinegro tinha caído na primeira fase da Copinha foi em 2015. À época, jogando em Lins, o Santos empatou, sem gols, contra a Penapolense, venceu o Babaçu por 4 a 2 e foi derrotado pelo Linense, por 2 a 1, terminando com os mesmos 4 pontos, em terceiro lugar na chave.

O jogo

Precisando da vitória para seguir vivo na competição, o Santos se lançou ao ataque logo nos primeiros minutos. Aos 7, Tailson recebeu pela esquerda, se livrou de dois adversários e chutou, mas parou nas mãos do goleiro Warlei. Onze minutos depois, Tailson apareceu novamente. O atacante recebeu cruzamento na pequena área, cabeceou bem, mas parou, por mais uma vez, no goleiro dos anfitriões.

O camisa 11 do Peixe era o que mais assustava a meta de Warlei. Aos 23, Tailson arriscou um chute de muito longe. A bola foi na direção do ângulo direito da meta, mas o goleiro do União Mogi se esticou para espalmar a bola e fazer a defesa. Já aos 29, o atacante cobrou falta por cima da barreira, mas acertou a rede pelo lado de fora. O lance chegou a enganar parte da torcida presente ao Nogueirão, que comemorou o gol inexistente. 

Jogando com o regulamento, o União Mogi voltou para o segundo tempo com a intenção de segurar o placar. Do outro lado, o Alvinegro ainda buscava uma forma de furar o bloqueio mogiano. No entanto, a chance de gol não aparecia e Warlei teve vida mais fácil em comparação a primeira etapa.

Aos 36 minutos, Lucas Lourenço recebeu na intermediária e arriscou um chute de longe, mas não conseguiu vencer o goleiro do União Mogi.