Na Vila Belmiro, Santos e Ceará duelam pela Copa do Brasil

Em confronto pelo Campeonato Brasileiro no mês de setembro, equipe santista venceu por 1 a 0

O Santos inicia nesta quarta-feira (28), às 16 horas, na Vila Belmiro, a busca pelo bicampeonato da Copa do Brasil. O adversário, em partida válida pelas oitavas de final, será o Ceará. O confronto marcará o reencontro das equipes após o nervoso duelo em setembro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Na ocasião, o Peixe venceu o Vozão por 1 a 0, em Fortaleza, e a partida terminou com oito cartões amarelos e seis vermelhos.

Clique aqui e assine A Tribuna por apenas R$ 1,90. Ganhe, na hora, acesso completo ao nosso Portal, dois meses de Globoplay grátis e, também, dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Se mantiverem o comportamento demonstrado naquele jogo e ao longo do Brasileiro, a partida será mais uma vez truncada. Santos e Ceará são duas das três equipes mais indisciplinadas da principal competição nacional. 

Ao todo, o Peixe tem 54 cartões (sendo 49 amarelos e cinco vermelhos), enquanto o Vozão tem 53 (sendo 48 amarelos e cinco vermelhos). À frente das duas equipes, nesse ranking, só aparece o Goiás com 55 cartões (sendo 51 amarelos e quatro vermelhos). 

Time

O técnico Cuca ainda não definiu o time do Santos. Porém, conforme o apurado pela Reportagem, Marinho, Lucas Veríssimo e Madson, recuperados, devem ser mantidos na equipe. O lateral-direito Pará permanece fora tratando uma lesão muscular no adutor da coxa esquerda.
A dúvida do treinador é se poderá contar com o volante Alison, que entrou durante a derrota para o Fluminense por 3 a 1 e sofreu uma contusão na região da bacia. Como o atleta ainda sente dores, fica a dúvida.

Premiação milionária

Com o Santos em profunda crise financeira, a diretoria do Peixe sonha com um bom desempenho da equipe na Copa do Brasil. 

Se passar pelo Ceará, após o jogo de volta, em Fortaleza, em 11 de novembro, o Santos irá embolsar R$ 3,3 milhões. Uma possível classificação às semifinais renderá mais R$ 7 milhões aos cofres santistas. 

Caso chegue à final, o time da Vila Belmiro receberá R$ 54 milhões se ficar com o título ou R$ 22 milhões se for vice. É a competição mais rentável do futebol brasileiro.

Santos

João Paulo; Madson, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Jobson e Arthur Gomes (Jean Mota); Marinho, Soteldo e Lucas Braga. Técnico: Cuca.

Ceará

Fernando Prass; Eduardo, Luiz Otávio, Eduardo Brock e Kelvyn (Bruno Pacheco); Pedro Naressi, Charles, Fernando Sobral e Vinícius e Léo Chú; Rafael Sóbis. Técnico: Guto Ferreira.

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães. Local: Vila Belmiro, em Santos, quarta-feria (28), às 16 horas. Transmissão do SporTV.

Tudo sobre: