EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

19 de Maio de 2019

Fora de casa, Santos inicia duelo com o Atlético-MG na Copa do Brasil

Jogo de ida pelas oitavas de final da competição será realizado nesta quarta, em Belo Horizonte

Como tem sido em todos os jogos neste ano, o Santos irá para cima do Atlético-MG nesta quarta-feira (15), a partir das 19h15 (de Brasília), no jogo de ida pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Mas a postura ofensiva que o time pretende apresentar no estádio Independência, em Belo Horizonte, não significa correr tantos riscos. Todos no time estão cientes de que o confronto tem 180 minutos.

"Sempre pensamos em ganhar. Sabemos que é um jogo importante, mas independentemente do resultado (desta quarta), temos a partida de volta (dia 6 de junho, no Pacaembu). Então, temos que estar tranquilos", disse o atacante Soteldo.

Autor de um gol do Santos na vitória por 3 a 0 sobre o Vasco, no último domingo (12), pelo Campeonato Brasileiro, o venezuelano comemorou o fato de poder fazer a segunda partida desse confronto contra o Galo como mandante.

"Temos que jogar sempre como se estivéssemos em nossa casa. Mas poder atuar em casa de fato, com a torcida apoiando, é sempre melhor", completou o atleta, mesmo com a grande possibilidade de não jogar essa partida.

Ele está pré-convocado para representar a Venezuela na Copa América e terá de se apresentar antes do início do torneio, dia 14 de junho, para disputar amistosos preparatórios.

Contra a lei do ex

E para voltar de Belo Horizonte com um bom resultado, o Santos precisa estar vacinado contra a lei do ex. No elenco atleticano, três jogadores já vestiram a camisa do Peixe: o lateral-esquerdo Fábio Santos e os atacantes Ricardo Oliveira e Geuvânio.

Terceiro artilheiro do futebol brasileiro no ano, com 13 gols, Oliveira é o mais perigoso deles, pois atua quase o tempo todo na grande área adversária e tem faro de gol apurado. O seu perfil artilheiro, aliás, deixou saudades. Não à toa, sem encontrar um sucessor desde a sua saída para o Galo, no início de 2018, o Santos sonha em tê-lo de volta ainda para esse Brasileirão.

Mas se preocupar com Ricardo Oliveira não significa ignorar Geuvânio. Após uma passagem apagada pelo Flamengo, no ano passado, o ex-menino da Vila parece ter recuperado a confiança no Atlético-MG e feito bons jogos.

Apesar da passagem meteórica pelo Peixe, em 2008, Fábio Santos também precisa ser observado. Nas investidas ao ataque pelo lado esquerdo, o lateral pode surpreender com uma finalização de longa distância ou por meio de bolas paradas.

Ficha técnica:

Atlético-MG x Santos
Jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil
15 de maio de 2019 (quarta-feira)
19h15 (de Brasília)
Estádio Independência (Belo Horizonte-MG)
Transmissão do SporTV (menos para MG) e Premiere

Prováveis escalações:

Atlético-MG: Victor; Guga, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; José Welison, Luan e Elias; Geuvânio, Ricardo Oliveira e Chará. Técnico: Rodrigo Santana

Santos: Everson; Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Jorge; Carlos Sánchez e Diego Pituca; Rodrygo, Sasha (Jean Mota) e Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli

Árbitro: Rodrigo D'alonso Ferreira (SC)

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Kleber Lucio Gil (SC)

VAR: Heber Roberto Lopes (SC)