Com a cabeça na Libertadores, Santos luta contra o jejum de clássicos no Brasileirão

Alvinegro encara o São Paulo disposto a ganhar o primeiro clássico desde outubro de 2019, mas decisão pela Libertadores tira o foco

Vivendo a ansiedade pelo segundo jogo da semifinal da Libertadores, às 19h15 de quarta-feira (13), contra o Boca Juniors, na Vila Belmiro, e sem ganhar um clássico desde outubro de 2019, quando fez 2 a 0 no Palmeiras, o Santos tenta virar a chave e se concentrar no clássico deste domingo (10), às 16 horas, contra o São Paulo, no Morumbi, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mas focar nesse confronto tão perto da final mais importante do continente não é fácil. 

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

E uma prova disso é a provável escalação. Em razão da partida contra o Boca Juniors, Cuca irá iniciar o clássico com um time alternativo. O treinador quer aquilo que tem de melhor no elenco descansado para o jogo do meio da semana. 

A linha defensiva para a tarde de hoje, por exemplo, conforme o treinamento de ontem, deve ser composta por João Paulo, Madson, Laércio, Alex e, possivelmente, Jean Mota. O lateral-esquerdo Felipe Jonatan, que já seria poupado, está suspenso. 

Para meio-campo e ataque, Cuca ainda analisa. Contudo, Alison, Diego Pituca, Soteldo, Marinho, Kaio Jorge e Lucas Braga devem ser preservados.

Além de poupar os titulares, o técnico não terá o goleiro John e o zagueiro Wagner Leonardo, em razão dos resultados positivos para covid-19 realizados em Buenos Aires. 

Após ser proibida de voltar ao Brasil na quinta-feira com o restante da delegação santista, a dupla desembarcou em São Paulo na madrugada de ontem e, assim como os demais jogadores do elenco, será submetida a novos exames de coronavírus. A depender do resultado, o Santos vai analisar a possibilidade de escalar o goleiro contra o Boca.

Todos os atletas e membros da comissão técnica que realizaram exames na sexta-feira testaram negativo para a doença. Hoje de manhã, elenco e comissão técnica farão novo teste no hotel, em São Paulo, válido para o duelo contra o Boca.

Pontuação
Mesmo com a cabeça longe, o Santos precisa pontuar para não ver os times que ocupam o G6 se distanciarem e a classificação para a próxima Libertadores por meio do Brasileirão ficar inviável. 
Já o São Paulo, líder com 56 pontos, quer voltar a vencer após a goleada sofrida para o Red Bull Bragantino, quarta-feira, em Bragança Paulista, por 4 a 2.

Ficha Técnica:

São Paulo: Tiago Volpi; Juanfran (Igor Vinícius), Diego Costa, Arboleda e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Igor Gomes e Gabriel Sara; Vitor Bueno e Brenner. Técnico: Fernando Diniz.

Santos: João Paulo; Madson, Luiz Felipe, Laércio e Jean Mota; Jobson, Vinícius Balieiro, Sandry e Lucas Lourenço; Arthur Gomes e Bruno Marques. Técnico: Cuca.

Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa/SC). Local: Morumbi, em São Paulo, dominfo (10), às 16 horas. Transmissão da TV Tribuna.

Pendurados: João Paulo, Madson, Luan Peres, Alison, Lucas Lourenço e Marcos Leonardo

Tudo sobre: