Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Nego Di desabafa sobre tratamento recebido em sua saída do 'BBB 21'

O ex-participante desabafou nas redes sociais sobre como Lucas Penteado e Karol Conká tiveram recepções diferentes

Por: Por ATribuna.com.br  -  28/02/21  -  18:57
Nego Di tem protagonizado falas polêmicas e ofensivas dentro da casa do 'BBB 21'
Nego Di tem protagonizado falas polêmicas e ofensivas dentro da casa do 'BBB 21'   Foto: Reprodução/Rede Globo

Nego Di desabafa mais uma vez em suas redes sociais sobre algumas "injustiças" cometidas no BBB 21. Desta vez, o ex-brother alega que o reality show é manipulado e que as diferenças no tratamento de cada participante eliminado foram diferentes, questionando porquê Lucas Penteado e Karol Conká teriam sido recebidos de maneira melhor.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


"Eu não queria ter que falar disso. Beleza, fui lá, eu que quis ir, assinei o contrato, mas cara, o jeito que tá sendo... O Lucas sofreu pra caramba, realmente, foi humilhado, aconteceu várias coisas, mas fez um monte de bosta também. Essa é a verdade. Eu tava lá e as pessoas que tão lá sabem. Só que aqui ele foi recebido de uma maneira legal", disse.


"A Karol, que ao que tudo indica, foi a pessoa que mais fez cagada, foi recebida de uma maneira que foi acolhida também, eu não entendi. Quando eu saí, não teve intervalo. Eu fui pra um ao vivo. Mão nas costas, microfone na mão, conta até dez e entra. O meu discurso, que o Tiago [Leifert] fez, foi praticamente um puxão de orelha", apontou. Di se refere às mudanças estruturais do programa na saída de Karol, que teve um intervalo para se preparar antes de entrar ao vivo durante sua eliminação.


"Quando a Karol sai, tem intervalo, não mostram seguidores, vai pra Faustão, é redenção, é isso. Eu só quero entender qual é a da Globo. Querem defender os deles, vão passar a mão por cima de todo mundo independente da merda que tenha feito porque têm um outro tipo de relação com a emissora, ou a carreira deles é mais importante?", questionou.


"Por que que não teve intervalo [para mim]? Daquela porta até o palco tem uma galera que fica ali. Por que eu não tive tempo pra conversar, pra ser instruído em nada? Por que pra mim não teve discurso de acolhimento, pro Brasil me acolher, acolher minha família? Por que que quando eu fui chamado no confessionário eu fui incentivado pelo próprio Boninho a continuar a agindo da maneira que eu tava agindo, que agora o convívio ia ficar melhor, que ele [Lucas] era um monstro?".


Nego Di também diz que todas as suas ações foram tiradas de contexto. "Realmente teve umas cagadas que eu fiz e que eu falei que apareceu, mas as ideias 'papo 10' que ele [Lucas] foi falar que eu era irmão mais velho, não apareceram. Eu pedi pro Projota falar com ele e daí apareceu só a ideia que o Projota falou. A minha [...] apagaram, sei lá onde foi parar".


Ele ainda sugeriu uma comunicação entre a rapper e os produtores do programa. "Como é que a Karol sabia tanto? Ela sabia que ia ser rejeitada, que ia bater o recorde, tudo ela imaginava. Como é que ela sabia? Isso que eu não tô conseguindo entender. A pessoa entra no confessionário e sai transformada. Parece que foi na igreja. Não é possível".


Questionando a falta de acolhimento, ele ainda diz que os discursos foram tendenciosos. "Aí na semana seguinte, a mina que fez um monte de maldade dentro da casa, inventou, mentiu pra c*ralho, vem com os papos de 'não ao cancelamento', de acolher, abraçar? Um coitado tá no 'Altas Horas' e a outra coitadinha que fez mal pra c*ralho no Faustão".


Por fim, ressalta que também está sofrendo os impactos da rejeição. "Eu fui tão prejudicado quanto, também sofri ameaça, sofri um monte de coisa, minha família também. E aí? Ninguém tá passando pano, não tem espaço na TV, não tem redenção, não tem desculpa, não tem p*rra nenhuma", conclui.


*Com informações do UOL


Logo A Tribuna