Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Dupla sertaneja acusada de transfobia lança clipe com atriz transexual

A dupla Pedro Motta e Henrique alterou a canção polêmica após acusações

Por: Por ATribuna.com.br  -  16/01/21  -  18:00
Pedro Motta e Henrique relançam faixa denunciada por transfobia
Pedro Motta e Henrique relançam faixa denunciada por transfobia   Foto: Divulgação

A dupla Pedro Motta & Henrique lançou nesta sexta-feira (15) uma nova versão de "Lili". A mudança na canção ocorreu após uma acusação formal da Aliança Nacional LGBTI+, que considerou a letra da canção transfóbica. Além da alteração, a dupla também lançou um videoclipe com participação da atriz transexual Alyce Gomes.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


A música original, que já foi retirada das plataformas de streaming, descrevia o caso de um homem apaixonado que fora "enganado" por sua namorada. Nos versos, dizia: "Agora eu entendo porque ela não queria fazer amor/Uma voz feminina, uma pele macia, me enganou tão bem".


Em resposta à polêmica, a dupla afirmou nas redes sociais que "a intenção sempre foi falar do amor acima de qualquer coisa". Em declaração sobre a nova versão da faixa, Pedro Motta diz que foi importante rever a canção e colocar os termos corretos. "Achamos que a 'Lili' dará muito mais voz à comunidade LGBTQIA+", revelou.


Em nova letra, os sertanejos cantam: "amor não tem nem sexo nem cor", "Não precisa esconder de mim/O amor da minha vida é uma travesti". No vídeo, gravado na praia de Camboriú (SC), a atriz Alyce Gomes foi escolhida por sorteio. "Fizemos uma promoção para escolher a atriz principal deste projeto. Alice foi a pérola descoberta entre mais de 3.000 candidatas", conta o cantor.



O novo vídeo obteve reações positivas pela internet. Entre os elogios, internautas ressaltam a importância de fomentar a empatia por meio da música sertaneja. "Parabéns a dupla pela iniciativa de representatividade", disse um internauta. "Deram um passo atrás mas vieram com dois à frente. Ganharam um fã", elogia outro.


*Com informações do Jornal O Globo


Logo A Tribuna