CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE
Sua Casa: Acerte na escolha do colchão para garantir uma boa noite de sono
Listamos 11 dúvidas comuns, que vão garantir mais qualidade de vida
Por: Brenda Bento  -  30/05/21  -  09:15
Escolher um colchão é uma tarefa extremamente importante   Foto: Reprodução

Escolher um colchão é realmente uma tarefa difícil e extremamente importante, que pode afetar tanto positivamente quanto negativamente o nosso sono. Por esse motivo, fizemos 11 perguntas para Marcelo Martins, gerente regional da Doutor do Sono, sobre como escolher um bom colchão.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


1-Quais os tipos de colchão existentes? E quais as diferenças entre eles?


Existem basicamente dois tipos de colchões: os de molas e os de espuma. Além de ser mais leve para manuseio, o colchão de molas proporciona um melhor alinhamento de coluna, sem falar que possui tratamentos para inibir a proliferação de microorganismos, muito mais eficazes do que no colchão de espuma.


2-De quanto em quanto tempo é hora de trocar o colchão? Ele tem prazo de validade?


Para colchões de espuma, o aconselhado é a troca entre três e cinco anos de uso, já para um colchão de molas o recomendado é trocar entre sete e dez anos.


3-Qual é a importância da densidade do colchão? Quais as existentes e para quem é recomendada cada densidade?


A densidade está atrelada diretamente à massa corporal que o colchão suporta. Dessa forma, a densidade se aplica somente ao colchão de espuma. No colchão de molas, quem faz o suporte da massa corporal são as molas, e não o estofamento (pillow top). As densidades podem variar de D18 (colchão de berço) até um D60 (que suporta mais de 150 kg).


4-Existe uma calculadora para descobrir a densidade ideal? O que se considera no cálculo?


Sim. O Instituto Nacional de Estudo do Repouso (Iner) disponibiliza uma tabela com altura x peso, que indica a densidade correta.


5-Que dica dá para prolongar a durabilidade do colchão?


O uso de um protetor impermeável é imprescindível para prolongar a vida útil do produto. A umidade do suor, uma fralda que vaza ou até mesmo deixar cair um copo de água no colchão acabam oferecendo risco, pois a umidade é o principal fator que diminui a vida útil do produto.


6-O colchão precisa ser lavado? Qual é a melhor forma de fazer a sua limpeza?


Em hipótese nenhuma, ele deve ser lavado, pois isso retira os tratamentos feitos no tecido e no estofamento. Por esse motivo, o uso de um protetor impermeável é tão importante e recomendado.


7-É necessário expor o colchão ao sol?


Não. O produto normalmente já possui tratamento para inibir a proliferação de micro-organismos.


8-Os colchões contam com certificado de garantia? Como ele funciona?


Todos possuem selo do Inmetro, seguindo as normativas exigidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).


9-Escolher um colchão confortável é muito importante, mas como fazer isso considerando que não é possível testá-lo por uma noite?


O colchão está diretamente ligado à nossa qualidade de vida, pois precisamos fazer um repouso adequado para o nosso corpo se manter saudável. O conforto é algo muito pessoal, sendo assim sempre aconselhamos os clientes a que tentem sentir isso em loja.


10-Os colchões baratos podem ser um problema? Ou o preço nem sempre indica a qualidade do produto?


Um colchão de qualidade geralmente possui matéria-prima superior e isso implica em um custo maior. O nível de tecnologia empregado nesse tipo de produto é altíssimo. O sono se mostra tão importante que, em média, 1/3 de toda a nossa vida passamos dormindo.


Por isso, devemos dar a devida relevância ao nosso repouso, à nossa qualidade de vida e à nossa saúde. Creio que esse foi um dos ensinamentos que a pandemia nos trouxe.


11-Quais são os tamanhos de colchão existentes no mercado, além dos de solteiro e de casal?


Existem sete medidas padrões no mercado – três de solteiro e quatro de casal. São elas: 0,78m x 1,88m (solteiro nacional), 0,88m x 1,88m (solteiro padrão), 0,96m x 2,03m (solteirão), 1,28m x 1,88m (viúva), 1,38m x 1,88m (casal padrão), 1,58m x 1,98m (queen size) e 1,93m x 2,03m (king size).


Por fim, Marcelo Martins reforça a importância de ter o suporte de um profissional especializado para entender as suas reais necessidades. “É essencial sentir o conforto do colchão e entender o que ele vai te trazer de benefício. Portanto, não minimize o quanto um bom produto vai acabar te proporcionando em qualidade de vida e te ajudar a se manter saudável”, conclui o gerente.