Chieko Aoki e Anna Chaia traçam cenários para empreendedoras em Santos

Empresárias participam nesta quinta (6), do 2º encontro do projeto Donas do Negócio, do Grupo Tribuna

Por: Júnior Batista  -  06/10/22  -  11:57
Atualizado em 10/03/23 - 14:00
Chieko Aoki, fundadora da Blue Tree Hotels
Chieko Aoki, fundadora da Blue Tree Hotels   Foto: Divulgação

O empreendedorismo feminino tem como marcas a flexibilidade, o jogo de cintura e a criatividade. A afirmação é de duas empresárias consideradas referência no Brasil: Chieko Aoki, fundadora e presidente da Blue Tree Hotels; e Anna Chaia, membro dos conselhos de administração da Vivara, Burger King/Popeyes, Espaço Laser, PuraVida e Madeira Madeira.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


As duas trocarão ideias e falarão de suas experiências no 2º encontro Donas do Negócio, que acontece nesta quinta (6), na sede do Grupo Tribuna, em Santos. A iniciativa visa fomentar e fortalecer o empreendedorismo feminino na região. Até o fim do ano, haverá outro encontro com mulheres empreendedoras e palestrantes, que vão conversar sobre suas posições de destaque.


Chieko trabalhou nos Estados Unidos, Ásia e Europa. Além disso, é vice-presidente do São Paulo Convention & Visitors Bureau e integra diversos conselhos, como os da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, Grupo Líderes Empresariais (Lide) e Grupo Mulheres do Brasil.


“As mulheres estão empreendendo, lançando novos negócios. Aquele nicho que ninguém nunca imaginou é pensado por elas com muito carinho e amor. É uma grande alegria receber um convite tão gentil para um evento deste porte. É uma alegria falar de empreendedorismo feminino”, reforça.


De acordo com a empresária, o empreendedorismo fará cada vez mais diferença, no Brasil ou no exterior. “São negócios que estão começando pequenos, mas crescem porque as mulheres são muito persistentes e sabem buscar soluções. O mundo realmente está à disposição das mulheres que gostam de empreender e criar”.


Anna Chaia, membro dos Conselhos de Administração de empresas como Burguer King/Popeyes
Anna Chaia, membro dos Conselhos de Administração de empresas como Burguer King/Popeyes   Foto: Divulgação

Dividir experiências

Segundo Anna Chaia, é uma felicidade poder passar um pouco do que aprendeu sendo mentora de mulheres empreendedoras. “Fico feliz em poder compartilhar e aprender com erros e acertos. Vai ser uma oportunidade importante para trocar e aprender”, afirma ela, que hoje dá consultoria a mulheres e homens, em pequenos e grandes negócios - alguns deles unicórnios, como são chamadas as startups que possuem avaliação de preço de mercado em mais de US$ 1 bilhão.


Antes de integrar conselhos de diversas empresas, Anna atuou como diretora executiva na Samsonite Mercosul, onde implementou um plano de expansão agressivo no Brasil, Argentina e Uruguai. Foi CEO da L’Occitane e tem mais de 30 anos de experiência em empresas globais.


Para ela, o destaque do empreendedorismo feminino está no fato de as mulheres serem multitarefas. “Elas empreendem com limitações de investimentos e sabemos que empreender com pouco recurso é complicado, mas as mulheres demonstram muitas ideias, flexibilidade, jogo de cintura e criatividade”.


Segundo Anna, as mulheres se adaptam aos mais diferentes cenários, mas desafios são constantes. A pandemia, por exemplo, impulsionou o empreendedorismo.


“Na qualificação, empreender significa também entender de administração financeira e este é um grande desafio. Saber gerenciar fluxo de caixa, seus fornecedores, recebíveis, contas a pagar. É a regra básica de todo o negócio. É importante investir nisso para que a grande ideia seja sustentável. Empreender é se dedicar de corpo e alma”.


Desafios

Na estreia do Donas do Negócio, em agosto, a primeira mulher a presidir uma companhia aérea no Brasil, Claudia Sender, mostrou os desafios do mundo corporativo. A executiva, que já ocupou o alto escalão do Grupo Latam, disse que conhecer as histórias de empreendedorismo da região foi um “momento de luz” em meio à atualidade do País.


“Uma das coisas mais inspiradoras que eu vi nos últimos tempos, encheu meu coração de esperança”, destacou a palestrante sobre as protagonistas das 24 empresas de diferentes segmentos que integram o projeto.


Logo A Tribuna
Newsletter