Jornalista Helle Alves morre aos 92 anos

velório é realizado na Beneficência Portuguesa e o enterro será às 15h, no cemitério da Areia Branca, em Santos

Por: De A Tribuna On-line  -  28/01/19  -  11:00
Em Santos, Helle Alves deu aulas e teve atuação intensa na defesa dos idosos
Em Santos, Helle Alves deu aulas e teve atuação intensa na defesa dos idosos   Foto: Irandy Ribas/AT

A jornalista Helle Alves morreu neste domingo (27), aos 92 anos, em sua casa, em Santos. Helle Alves nasceu em 7 de dezembro de 1926, em Itanhandu, cidade do interior de Minas Gerais. Helle atuou em jornais e na TV e, em 1959, começou a trabalhar nos “Diários Associados”, de Assis Chateaubriand.


Fazia reportagens gerais e, entre tantas grandes matérias, foi a única jornalista a cobrir a morte de Che Guevara, na Bolívia. Trabalhou também na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.


Em Santos, deu aulas e teve atuação intensa na defesa dos idosos. Foi autora de vários livros: “ Paisagem de Pedra”( poemas); “ Envelhecer Não Doi”( auto-ajuda);” Memória do Século”( escrito por alunos sobre suas vidas, sob orientação de Helle); “ A Hora e a Vez da 3ª Idade(Levantamento sobre o progresso atual da situação dos idosos); “ Eu Vi”, (relato sobre sua vida, suas reportagens e seus viagens).


Ainda não se sabe a causa da morte. O velório é realizado na Beneficência Portuguesa e o enterro será às 15h, no cemitério da Areia Branca, ambos em Santos.


Logo A Tribuna