Tribuna do Leitor, de 5 de novembro de 2022

Hoje, com as participações da prefeitura de Santos e outros

Por: Redação  -  05/11/22  -  06:20
  Foto: Matheus Tagé/AT

Geraldo Alckmin
Conheci Geraldo Alckmin em 1995, apresentado pelo inesquecível Mário Covas, que me oportunizou o primeiro aperto de mão. No mesmo ano, tive a regalia de recebê-lo e percorrer municípios da região e atender convite do Rotary Club Santos, em reunião repleta de pessoas de alta representatividade. Ao longo destes 27 anos, convivi, esporadicamente, com o cidadão simples, discreto e afável. Tendo como base a família e a religiosidade, leva vida frugal, com inequívoca preocupação com seus concidadãos, em especial a parcela mais frágil da sociedade. Ocupou vários cargos públicos pautado pela correção de atitudes e honestidade de propósitos. Foi um baluarte da social democracia brasileira. Apoiou o surgimento de novas lideranças até a chegada do novo PSDB, desfraldatário de posições ambíguas e individualidades obsessivas ao poder. Apesar de todo diálogo e resiliência, foi impossível permanecer no partido que ajudou a fundar. Viraram-lhe as costas. Com absoluta vocação política, atendeu ao convite de outra legenda partidária. Hoje, eleito vice-presidente do Brasil, vai demonstrar com seu denodado trabalho e experiência a verdadeira face do que é ser patriota e democrata. Aos que o julgaram mal, reflitam melhor sobre a sua fundamental importância neste difícil período no qual todos vivemos. Juan Manuel Villarnobo Filho - Santos


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


Democracia
Acompanho com pesar os descontentamentos infundados com os resultados das eleições brasileiras. Democracia funciona dessa maneira: devemos aceitar a escolha da maioria e louvarmos por termos o processo eleitoral brasileiro comprovadamente seguro, rápido, transparente e o único do mundo 100% digital. Devemos unir forças para cobrar atitudes dos que foram eleitos para ganhar excelentes salários às nossas custas, sejam presidente, deputados e senadores e não para sermos apenas massa de manobra e brigarmos entre nós. Brasil de direita ou esquerda tem a capacidade de crescer em todos os aspectos econômicos e sociais, bastando que haja menos corrupção, verdadeiro trabalho político e união da sociedade. Lembrando que nosso Congresso e Presidência são os mais caros e ineficientes do planeta, é inadmissível perderem valioso tempo com questões ideológicas em plenário ou na mídia. Passadas as eleições, resta a nós, cidadãos, trabalharmos pelo Brasil em vez de só torcermos pelo Brasil. Daniel Marques - Virginópolis (MG)


Prefeitura responde
Em resposta ao leitor Fernando Martins Braga, a Prefeitura de Santos esclarece que realiza parcerias com várias empresas e órgãos de fomento ao ESG, visando desenvolver políticas públicas para o cidadão. No caso dos resíduos, por exemplo, a Secretaria de Meio Ambiente fechou, em outubro, parceria para instalação de 40 pontos de entrega voluntária (PEV) de vidro. A instalação, recolhimentos e reciclagem dessa matéria-prima serão feitos sem custos para os cofres públicos. Três unidades já foram instaladas nos parques públicos Aquário, Orquidário e Jardim Botânico Chico Mendes. As demais começam a ser instaladas ainda neste ano.


gt;gt;Também em resposta ao leitor Fernando Martins Braga, a Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo (Seectur) de Santos informa que está finalizando uma minuta de edital de chamamento público para possibilitar a implantação de linha turística com sistema hop on hop off (com embarque e desembarque com o mesmo bilhete). Ela vai circular por toda a Cidade, com paradas em vários pontos turísticos.


gt;gt;Em resposta ao leitor Carlos Sulzer, a Prefeitura de Santos informa que o patrulhamento da orla da praia, bem como dos demais pontos da Cidade, é dinâmico. Destacamos que, no último fim de semana, devido ao segundo turno eleitoral, 140 guardas civis municipais (GCMs) foram escalados na segurança das urnas utilizadas no Município, no sábado (28/10), das 7h às 19h; e mais 140 GCMs foram escalados, das 19h até às 7h, no domingo (30/10). A GCM está disponível todos os dias da semana (24h) à população, que também pode acionar a corporação por meio do telefone 153. Diretoria de Comunicação - Santos


Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna. As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.
Ver mais deste colunista
Logo A Tribuna
Newsletter