CLUBE IMPRESSO ACERVO COVID
Morador de Praia Grande some sem deixar rastros após falar que ia para o 'pagode'
Eduardo Nascimento, de 25 anos, estava morando há quatro meses na região.
Por: Alexandre Lopes  -  07/05/21  -  11:26
Homem desapareceu após dizer que iria para o 'pagode'   Foto: Arquivo Pessoal

O jovem Eduardo Nascimento, de 25 anos, desapareceu em Praia Grande, no litoral de São Paulo, após pegar um carro de aplicativo e avisar que estava indo para 'um pagode'. Natural do Rio de Janeiro, Eduardo trabalhava há quatro meses na cidade.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


De acordo com familiares, todos estão desesperados em busca do jovem. Eduardo tinha o hábito de ligar todos os dias para parentes, inclusive para falar com uma filha pequena. Segundo informações da polícia, a última vez que ele foi visto foi em um bar no bairro Quietude na madrugada do último sábado (1).


Ainda com base em informações de testemunhas, os policiais descobriram que duas mulheres pediram para que um motorista o levasse para outro bar para que ele 'pudesse ouvir músicas que gostava mais'. Sem dar notícias, colegas de trabalho passaram a fazer buscas em hospitais e delegacias.


De acordo com o boletim de ocorrência registrado sobre o caso, a autoridade policial acompanha a história e realiza investigações. O registro foi feito no 1º DP de Praia Grande como desaparecimento de pessoa. Até o momento, porém, não há nenhuma pista sobre o paradeiro do jovem.


Tudo sobre:
Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial e ideológica do Grupo Tribuna. As empresas que formam o Grupo Tribuna não se responsabilizam e nem podem ser responsabilizadas pelos artigos publicados neste espaço.