Polícia investiga suposta participação de casal em roubo a farmácia em Santos

Segundo informações da Polícia Militar, os dois estavam em um veículo, que foi reconhecido pelo sistema inteligente de monitoramento criminal como envolvido no crime ocorrido na última quinta-feira (27)

A Polícia Civil apura a suposta participação de um casal em um roubo a uma farmácia, ocorrido na última quinta-feira (27), no bairro Campo Grande, em Santos

Segundo informações da Polícia Militar, os dois estavam em um veículo, que transitava pela Avenida Senador Pinheiro Machado, e que foi reconhecido pelo Detecta (sistema inteligente de monitoramento criminal). De acordo com a PM, o carro esteve envolvido no crime.

Agentes da Rondas Ostensivas com Apoio de motocicletas (ROCAM) abordou o veículo. Em seu interior, eles localizaram uma réplica de arma de fogo sob o banco do passageiro. O condutor informou um nome falso, entretanto, seu documento verdadeiro foi localizado também dentro do carro.

O homem alegou que os roubos foram praticados pelo seu irmão e um amigo, que utiliza o mesmo veículo. O condutor já havia sido preso anteriormente por tráfico de entorpecentes, roubo e por adentrar a estabelecimento prisional com celular. Já a mulher havia sido presa por furto e sido abordada anteriormente quando estava junto a um homem armado que foi preso.

A dupla foi ouvida na Central de Polícia Judiciária. O simulacro foi apreendido.

Tudo sobre: