Motorista atropela, mata barbeiro e foge sem prestar socorro em Santos

Acidente aconteceu na Avenida Perimetral; Guarda Portuária diz que nenhuma câmera registrou o acidente

Por: De A Tribuna On-line  -  16/11/18  -  15:25
  Foto: Reprodução/Facebook

Um barbeiro, de 43 anos, morreu após ser atropelado enquanto voltava do trabalho, em Santos. Jurandir Tavares de Almeida não resistiu aos ferimentos depois de ser atingido por um veículo, cujo motorista fugiu sem prestar socorro. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.


O acidente aconteceu no fim da tarde de quarta-feira (14). De moto, a vítima voltava do salão em que trabalhava, na Avenida Cel. Joaquim Montenegro (Canal 6), quando, na Avenida Perimetral, na pista sentido Centro/Ponta da Praia, foi atingido por um veículo.


O carro derrubou a vítima da moto e chegou a passar por cima dela. Ainda segundo a Guarda Portuária, o trecho onde aconteceu o acidente não conta com nenhuma câmera de monitoramento. O homem chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.


O corpo do barbeiro foi sepultado na manhã desta sexta-feira (16), em São Vicente, cidade em que morava. Bastante conhecido no bairro Cidade Náutica como Didi Barbeiro, Jurandir trabalhou há pelo menos 30 anos nesta profissão.


Até agora, o condutor do veículo não foi identificado e nem se apresentou à polícia, que agora trabalha para tentar descobrir, com base em imagens de trechos próximos ao acidente, as características do veículo.


Logo A Tribuna