EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

15 de Agosto de 2020

Marido espanca mulher que esqueceu de comprar ralador de coco

Acusado de violência doméstica foi detido em Barra do Turvo, no Vale do Ribeira. Vítima diz que utensílio seria usado para fazer cocadas

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem de 25 anos, sob a suspeita de violência doméstica, no Barra do Turvo, cidade do Vale do Ribeira, no interior paulista. Ele é acusado de agredir a esposa por ela ter esquecido de comprar um ralador de coco, o que impossibilitaria o preparo de cocadas para o agressor, disse a vítima. As informações são do portal de notícias G1.  

A prisão ocorreu na margem da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116). Segundo a corporação, o caso aconteceu no fim da tarde de terça-feira (30). Uma equipe da PRF foi acionada para uma ocorrência, próximo ao Km 528 da via, após receber de populares uma denúncia de violência doméstica. 

No local, os agentes identificaram uma dona de casa, de 46 anos, ensanguentada, próximo um trecho com comércios, na margem da rodovia. Ela estava acompanhada do marido, indicado pela vítima com o autor da agressão.

A vítima disse à polícia que o marido teria começado uma discussão, assim que ela comentou ter esquecido de comprar um ralador de coco. O objeto seria usado para produzir cocadas para o marido. Além de agredir a esposa verbalmente, o suspeito feriu o rosto da vítima, segundo a PRF.  

O suspeito confirmou as informações prestadas pela mulher. Ele alegou “ter ficado nervoso”, pois queria comer o doce. E teve voz de prisão em flagrante por violência doméstica, com base na Lei Maria da Penha.  Os policiais prestaram socorro à mulher.

O caso foi registrado na Delegacia Sede de Barra do Turvo. O suspeito teve como destino a cadeia, ficando à disposição da Justiça. 

Tudo sobre: