Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Homem morre baleado por guarda após invadir imóvel da autoridade portuária no litoral de SP

Outros três suspeitos entraram em matagal e conseguiram fugir após troca de tiros, segundo a APS

Por: ATribuna.com.br  -  14/10/21  -  07:06
  Usina fica a 30 quilômetros do Porto de Santos, no município de Bertioga, no sopé da Serra do Mar
Usina fica a 30 quilômetros do Porto de Santos, no município de Bertioga, no sopé da Serra do Mar   Foto: Rogério Soares/AT

Um homem foi morto após ser baleado por um guarda portuário em Bertioga. Segundo apurado por A Tribuna, ele e outras três pessoas tentavam assaltar uma residência funcional da Autoridade Portuária de Santos (APS). O crime ocorreu na segunda-feira (11) na região do bairro Itatinga, próximo à usina hidrelétrica da APS.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


O guarda portuário vive no imóvel, uma residência funcional. Ele teria ouvido um barulho do lado de fora da casa e saiu para verificar o que ocorria. Na saída, viu os invasores e atirou contra um suspeito, que morreu.


A SPA confirmou o ocorrido e disse que o guarda portuário reagiu em legítima defesa. De acordo com o órgão, houve troca de tiros e os invasores fugiram pelo meio da mata. Posteriormente, a polícia encontrou um dos bandidos morto, em posse de uma arma de fogo.


O caso foi registrado na Delegacia Sede de Bertioga como homicídio com legítima defesa. O guarda portuário não se feriu.


Logo A Tribuna