EDIÇÃO DIGITAL

Sábado

15 de Agosto de 2020

Homem furta pranchas em São Vicente e anuncia venda pela internet

Apontado como o autor do delito, um homem de 47 anos foi detido no Balneário Jussara, em Mongaguá, e confessou o delito

Policiais civis recuperaram na terça-feira à noite (2), em Mongaguá, seis pranchas de surf furtadas de um edifício em São Vicente, no último dia 26. A apreensão do material ocorreu após a sua venda ser anunciada pela internet.

Apontado como o autor do delito, um homem de 47 anos foi detido no Balneário Jussara e confessou o delito, sendo indiciado. Como não houve flagrante, foi liberado. Com ele havia quatro pranchas. Ele vendeu as demais e informou os nomes dos compradores.

Lotados na Delegacia de Mongaguá e na diretoria do Departamento de Polícia Judiciária do Interior-6 (Deinter-6), os policiais deram sequência às investigações e recuperaram as outras duas pranchas. Os compradores alegaram ignorar a sua procedência ilícita.

Segundo os investigadores, o autor confesso do furto já residiu no condomínio do qual as pranchas foram levadas. Ele se valeu da condição de ex-morador para angariar a confiança do porteiro do prédio e cometer o delito.

Tudo sobre: