EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

6 de Dezembro de 2019

Foragido de prisão no interior é morto em confronto com PMs em Guarujá

Criminoso ameaçou atirar contra policiais militares. Ocorrência aconteceu no Pae Cará, em Vicente de Carvalho

Foragido desde abril de 2017 da Penitenciária de Ribeirão Preto, José Robson de Souza Oliveira, o 'Robinho', de 40 anos, ameaçou atirar em policiais militares e foi morto em Guarujá.

O confronto aconteceu na manhã de quarta-feira (14), na Rua Nova, no Pae Cará, em Vicente de Carvalho. Segundo os PMs, eles se dirigiram ao local para checar denúncia anônima de que ali se refugiava um procurado da Justiça armado.

O endereço é um terreno no qual há várias casas. O portão principal estava aberto e os policiais ingressaram em uma área comum às moradias. Através do vitrô de uma delas, eles viram Robinho tentando fugir pelo telhado.

Os PMs, então, entraram nesta residência, cuja porta estava escorada por uma cama. Na tentativa de escapar, o foragido caiu do telhado. Ele empunhava uma pistola Glock e a apontou para os policiais.

Diante dos iminentes disparos, os policiais atiraram primeiro em Robinho e o desarmaram. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado pelos PMs e levou o criminoso ao pronto-socorro do bairro, onde ele faleceu.

De calibre 9 milímetros e com a numeração raspada, a Glock do bandido encontrava-se apta para o uso imediato, conforme destacaram os patrulheiros. A pistola estava municiada com um cartucho na câmara e mais quatro no carregador.

O caso foi registrado no 2º DP de Guarujá pelo delegado Maurício Barbosa Júnior. Na ficha policial de Robinho, constam passagens por roubo e associação criminosa.

Tudo sobre: