Empresário é baleado no peito em tentativa de assalto, em Guarujá

Homem, de 69 anos, estava no carro com a esposa e seguia rumo a alça de acesso à Rodovia Cônego Domênico Rangoni

Por: Eduardo Velozo Fuccia  -  17/12/18  -  23:03
Atualizado em 17/12/18 - 23:33
Veículo estava na Avenida Lídio Martins Correia, na Vila Zilda
Veículo estava na Avenida Lídio Martins Correia, na Vila Zilda

Um empresário de 69 anos foi baleado por ladrões que tentaram assaltá-lo no início da madrugada desta segunda-feira (17), em Guarujá. Morador em São Paulo, ele dirigia um carro e tinha a mulher, de 48, como passageira. O casal possui imóvel de temporada em Guarujá, para onde viaja com frequência. Ele iniciava o seu retorno para a Capital, quando houve a tentativa de latrocínio.


O veículo seguia pela Avenida Lídio Martins Correia, na Vila Zilda. Pouco antes de o carro atingir a alça de acesso à Rodovia Cônego Domênico Rangoni, o empresário foi surpreendido por quatro ladrões.


Com armas de fogo, os marginais saíram de um matagal. A vítima acelerou e um dos criminosos disparou. O tiro atravessou a janela dianteira do passageiro sem acertar a mulher do empresário, mas atingiu o motorista.


Ela disse para A Tribuna que se abaixou com o marido, estando o veículo em movimento. O empresário chegou a se virar um pouco, sendo baleado no lado esquerdo do peito.


Sem identificação


A bala percorreu a frente da região torácica, causando lesão subcutânea, e saiu próximo à axila direita. Os assaltantes fugiram sem consumar o roubo e não foram identificados.


“No Hospital Santo Amaro ouvi comentários de que há muitos roubos contra motoristas naquela região. A Polícia Militar deveria destacar viaturas para o patrulhamento da área”, disse a mulher.


Pela manhã, após ser medicado e realizar tomografia, que descartou a ocorrência de ferimento mais grave, o empresário recebeu alta. Para repousar melhor, ele optou por permanecer com a mulher em seu apartamento de veraneio em Guarujá.


Logo A Tribuna