Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Dono de imóvel que servia como laboratório de drogas é preso em Santos

Segundo investigações da Polícia Civil, homem de 45 anos fazia o preparo dos entorpecentes para depois comercializar a droga

Por: Por ATribuna.com.br  -  08/02/21  -  18:19
Imóvel localizado no Campo Grande servia como laboratório de drogas
Imóvel localizado no Campo Grande servia como laboratório de drogas   Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem suspeito de armazenar e comercializar drogas na Baixada Santista foi preso na manhã desta segunda-feira (8) em seu imóvel que servia como laboratório de entorpecentes. Ele foi preso em flagrante e todo o material encontrado no local foi recolhido e apreendido.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Em cumprimento de mandado de busca e apreensão, policiais da 1ª Delegacia de Investigações Gerais de Santos (1º Deic) se dirigiram, na manhã desta segunda, a uma casa localizada no bairro Campo Grande, em Santos.


Ao chegar no local, os policiais se depararam com uma grande estrutura montada para cultivar maconha e haxixe. Investigações apontavam que o dono do imóvel, de 45 anos, comercializava as drogas que eram produzidas no laboratório.


Dono do imóvel usava uma estufa para cultivar maconha e haxixe dentro de imóvel
Dono do imóvel usava uma estufa para cultivar maconha e haxixe dentro de imóvel   Foto: Divulgação/Polícia Civil

Dentro da casa, os policiais encontraram uma estufa em um dos cômodos, com equipamentos de luz, sistema de ventilação, vasos com plantas psicotrópicas, além de outras substâncias químicas utilizadas no preparo da droga.


A Polícia Civil deu voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas ao dono do imóvel. Todo o material existente no laboratório foi apreendido e encaminhado à perícia técnica científica.


O suspeito foi levado para a delegacia para registro de ocorrência e, posteriormente, conduzido ao cárcere.


Suspeito cultivava drogas para depois comercializar
Suspeito cultivava drogas para depois comercializar   Foto: DIvulgação/Polícia Civil

Logo A Tribuna