Dois homens são presos com palmito-juçara no Parque da Serra do Mar em SP

Suspeitos foram detidos e multados em mais de R$ 61 mil, cada, na cidade de Pedro de Toledo

Dois homens foram presos carregando unidades de palmito Jussara dentro do Parque Estadual da Serra do Mar, em Pedro de Toledo, no Vale do Ribeira. Além de serem detidos, a dupla foi autuada em mais de R$ 61 mil cada.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Equipes da 1ª Companhia de Policiamento Ambiental estavam em patrulhamento pelo Parque Estadual da Serra do Mar, quando avistaram rastros de pessoas dentro da floresta.

Após cerca de 4 horas de caminhada e acompanhamento, os policiais ouviram vozes de dois adultos, que estava carregando mochilas contendo palmito. Na abordagem, a PM Ambiental constatou que tratava-se de 103 unidades de palmito Jussara, ameaçado de extinção.

Segundo a polícia, foram elaborados dois autos de infração ambiental, com imposição de multa de R$ 61.800 para cada um dos suspeitos. Foram apreendidos as 103 unidades de palmito e dois facões.

A ocorrência foi apresentada no DP e os suspeitos presos. O palmito foi destinado ao aterro sanitário após a polícia científica indicar que eles estavam impróprios para consumo.

Palmito estava impróprio para o consumo, segundo exames da Polícia Científica (Foto: Divulgação/Polícia Ambiental)
Tudo sobre: