Aposentado é preso por passar a mão em duas jovens dentro do ônibus

Os três eram passageiros de um coletivo que passava pela cidade de Praia Grande

Por: Eduardo Velozo Fuccia  -  30/10/18  -  18:53
Homens foram encaminhados para a Delegacia Sede de Praia Grande
Homens foram encaminhados para a Delegacia Sede de Praia Grande   Foto: Divulgação

O aposentado Laércio Basílio de Lima, de 64 anos, foi preso em flagrante após passar a mão nas coxas de duas jovens, de 19 e 21 anos, no início da noite de domingo (28). Os três eram passageiros de um coletivo, que transitava por Praia Grande.


O delegado Rodrigo Martins Iotti autuou o aposentado por importunação sexual, por entender que a conduta do acusado teve conotação libidinosa, conforme afirmaram as jovens e uma testemunha.


Com 57 anos de idade, a testemunha acompanhava uma das jovens no coletivo e disse ter presenciado a investida do aposentado contra as duas vítimas. A importunação sexual é crime inafiançável e punível com reclusão de um a cinco anos.


Após passar a mão na coxa da segunda jovem, esta vítima gritou e o motorista parou o ônibus em frente a uma unidade da Polícia Militar. Laércio negou ter importunado às jovens, mas foi conduzido à Delegacia de Praia Grande.


Nesta repartição, o aposentando continuou rebatendo a versão das vítimas e da testemunha. Ele ainda declarou que possui “problemas mentais” e ingeriu uma “caipirinha”.No entanto, as suas alegações não o livraram ser autuado em flagrante e recolhido à cadeia.


No dia 16 de julho de 2006, em uma praça do município de Taboão da Serra, na Região Metropolitana de São Paulo, Laércio foi acusado de praticar “ato obsceno” contra um casal. Detido na ocasião, ele foi liberado após a elaboração de termo circunstanciado (TC).


Logo A Tribuna