Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Vacinados contra a covid-19 no Brasil chegam a 9,5 milhões, número representa 4,5% da população

Ministério da Saúde informou que já distribuiu aos Estados cerca de 20 milhões de doses da vacina contra a covid-19

Por: Do Estadão Conteúdo  -  13/03/21  -  15:22
Atualizado em 13/03/21 - 15:30
Entre os 9,5 milhões de imunizados, 3.467.045 receberam a segunda dose da vacina
Entre os 9,5 milhões de imunizados, 3.467.045 receberam a segunda dose da vacina   Foto: Matheus Tagé/AT

A quantidade de pessoas vacinadas contra a covid-19 chegou nesta sexta-feira, 12, a 9.539.078, segundo dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa. O número representa 4,5% da população brasileira. Nas últimas 24 horas, 244.541 pessoas receberam a primeira dose do imunizante.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Entre os 9,5 milhões de imunizados, 3.467.045 receberam a segunda dose da vacina. Nas últimas 24 horas, 149.701 receberam essa dose de reforço necessária para conferir a proteção devida contra a doença. O número de pessoas com a vacinação completa representa 1,64% da população brasileira.

Em São Paulo, 2,7 milhões de pessoas receberam ao menos uma dose. O número está 794 mil imunizados em Minas e 734 mil no Rio, Estados que lideram as estatísticas absolutas de aplicação. Proporcionalmente, o Amazonas é o local onde a população mais foi vacinada: 7,99% dos habitantes receberam a primeira dose.

O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira (12) que já distribuiu aos Estados cerca de 20 milhões de doses da vacina contra a covid-19, das quais 16 milhões são Coronavac, do Instituto Butantan com a chinesa Sinovac, e 4 milhões da vacina da AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford.

A pasta anunciou que pretende assinar contrato com a Pfizer no início da semana que vem para aquisição de 100 milhões de doses até o fim do ano, o que se somaria a entregas já contratadas junto ao Butantan e Fiocruz. Outras 10 milhões de doses da Sputnik V foram confirmadas nestas sexta-feira pelo ministério, que estima contar com vacina suficiente para toda a população brasileira até o fim deste ano.


Logo A Tribuna