Única dose de vacina da Pfizer ou AstraZeneca reduz risco de internação

Estudo aponta que o risco de internação entre pessoas que receberam a vacina da Pfizer foi 85% menor do que entre indivíduos não imunizados

Por: Do Estadão Conteúdo  -  22/02/21  -  11:50
Decisão foi assinada pela gerente-geral de Inspeção e Fiscalização Sanitária da Anvisa
Decisão foi assinada pela gerente-geral de Inspeção e Fiscalização Sanitária da Anvisa   Foto: Reprodução/Unsplash

Dados preliminares de um estudo realizado na Escócia mostraram que uma única dose das vacinas contra covid-19 da Pfizer ou da AstraZeneca reduziu significativamente o risco de internação hospitalar.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


O estudo aponta que o risco de internação entre pessoas que receberam a vacina da Pfizer foi 85% menor do que entre indivíduos não imunizados entre 28 e 34 dias após a dose. No caso da vacina da AstraZeneca, o risco de internação foi 94% menor.


A descoberta, que ainda não passou por uma revisão por pares, é mais uma evidência de que as vacinas têm efeito significativo na gravidade da doença.


A pesquisa escocesa se baseou no histórico de saúde de toda a população escocesa, de 5,4 milhões de pessoas, tornando-se um dos maiores estudos já realizados sobre o assunto. Fonte: Dow Jones Newswires.


Logo A Tribuna