Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Mulher de 46 anos é encontrada morta dentro de cama box

Vizinhos sentiram forte odor e quando questionado, suspeito afirmou que um gambá havia morrido no local

Por: Por ATribuna.com.br  -  14/01/21  -  15:00
Cláudia Cristina deixou sete filhos
Cláudia Cristina deixou sete filhos   Foto: Reprodução / Facebook

Amarrada e coberta por um lençol, uma mulher de 46 anos foi encontrada morta dentro de uma cama box nesta terça-feira (12), no bairro Pechincha, no Rio de Janeiro. Cláudia Cristina dos Santos Sacramento deixou sete filhos. O suspeito do assassinato foi preso nesta quarta-feira (13), em São Paulo.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


De acordo com familiares, no sábado (9), Cláudia conheceu um homem em um bar e ele a convidou para ir até sua casa. Desde então, a mulher não foi mais vista. As filhas ficaram preocupadas com a mãe e ao mandarem mensagens para o celular dela, receberam respostas de texto das quais desconfiam não ser dela, já Cláudia costumava responder por áudio.


Na segunda-feira (11), a vizinhança sentiu cheiro forte vindo da residência do suspeito e o procuraram. Como resposta, o homem alegou que um gambá havia morrido na casa. Porém, com a persistência do mau cheiro, os vizinhos foram atrás do senhorio do suspeito. Para ele, o acusado respondeu que um cano de esgoto havia estourado.


O odor persistiu e como o homem não era mais encontrado, uma vizinha acionou a polícia na quarta-feira (13). Desta forma, uma equipe do 18º BPM de Jacarepaguá foi até o local da ocorrência e lá encontrou o corpo de Cláudia. O corpo da vítima foi levado paranecrópsia que irá determinar a causa da morte no Instituto Médico-Legal (IML). O caso foi registrado na Delegacia de Homicídios da Capital (DHC).


* Com informações do jornal Extra


Logo A Tribuna