Conexão Estados Unidos: Estamos alertas!

Nesta edição da coluna, Fernanda Haddad fala dos incêndios que vêm arrasando a California

Por: Fernanda Haddad - De San Diego  -  14/11/18  -  17:39
Está tudo bem! Assim tenho respondido, nos últimos dias, às mensagens de alguns amigos. Talvez essa seja também a preocupação de alguns leitores dessa coluna sobre as queimadas que vêm ocorrendo na Califórnia. As chamas acontecem em Los Angeles, a aproximadamente duas horas de carro aqui de San Diego.

O fenômeno chamado Woolsey Fire fez com que 265 mil pessoas deixassem suas casas em Los Angeles e Ventura, uma cidade vizinha, de acordo com o periódico Los Angeles Daily News. As chamas começaram na última quinta-feira e se alastraram. Até agora foram queimadas mais de 400 estruturas e duas pessoas morreram.

A foto do ator Gerard Butler em frente a sua casa completamente destruída pelo fogo, em Malibu, viralizou. No Instagram, o ator recebeu quase 500 mil curtidas e mais de 23 mil comentários. O cenário da imagem é uma grande estrutura preta, vegetação morta e a carcaça de um carro, completamente queimado.

“Retornei à minha casa, em Malibu, depois da evacuação. Tempo desolador sobre a Califórnia. Inspirado como nunca antes pela coragem, espíritos e sacrifício dos bombeiros. Obrigado”, Butler diz na legenda da foto postada no último final de semana.

A cantora e atriz Lady Gaga postou em sua conta no Twitter: “Eu estou pensando profundamente sobre todos que estão sofrendo hoje com essas abomináveis chamas e lamentando a perda de suas casas e pessoas queridas. Eu estou aqui sentada com muitos de vocês imaginando se a minha casa vai queimar com as chamas. Tudo o que nós podemos fazer é rezar juntos. Deus abençoe vocês”.

Assim como Gaga evacuou sua mansão, outras celebridades, como o ator Orlando Bloom, o diretor Guilhermo del Toro e o cantor Robin Thicke, também deixaram suas casas. O ator Will Smith resolveu sair de sua residência com sua família antes mesmo que a evacuação fosse obrigatória pelos bombeiros: “I don't like it, so we're gonna go” – “Eu não gosto disso, então estamos saindo (de casa)”, ele disse.

Apesar do fenômeno Woolsey Fire estar ocorrendo em Los Angeles, San Diego entrou em estado de atenção, de acordo com o canal de notícias CBS. Os residentes devem estar atentos e prontos para evacuar, caso as chamas se alastrem para o sul de Los Angeles.

O chefe do Corpo de Bombeiros Colin Stowell alerta para que a população esteja preparada em caso de evacuação. “Please do your part and practice your emergency plan. It’s not too late to create one!” – “Por favor faça a sua parte e pratique seu plano de emergência. Não é tarde para criar um (plano)”, ele ressalta em sua conta no Twitter. O bombeiro complementa dizendo que os ventos podem ser fortes nos próximos dias. “Se as chamas começarem, vocês terão apenas alguns minutos para evacuar”.

Aqui em casa, estamos todos atentos!

Camp Fire

Ao norte da Califórnia, outra queimada ocorre simultaneamente, chamada de Camp Fire. De acordo com os portais de notícias regionais, é a temporada de chamas que mais matou pessoas na história.

Até a última segunda-feira (12) , foram contabilizadas 42 mortes, 6,4 mil casas destruídas e 260 prédios comerciais. As chamas tomam cerca de 80 milhas entre a capital da Califórnia, Sacramento, e uma cidade chamada Paradise.

Tudo sobre:
Logo A Tribuna