Cão de estimação morto vira tapete e causa polêmica; VÍDEO

Empresa pretende preservar a possibilidade do contato com isso aliviar a dor da perda pelos tutores

Por: ATribuna.com.br  -  01/11/22  -  20:49
O golden retriever da família (imagem ilustrativa à esquerda) foi preservado e virou um tapete
O golden retriever da família (imagem ilustrativa à esquerda) foi preservado e virou um tapete   Foto: Imagem ilustrativa/Pixabay e Reprodução/Instagram

Uma família pretendia preservar seu cachorro, um golden retriever. Para isso, contratou a empresa australiana Chimera Taxidermy, que já faz trabalhos de taxidermia, preservando (empalhando) animais. Este caso, porém, causou polêmica após ser transformado em um tapete, mantendo preservada sua pele e pelos. A empresa postou o trabalho finalizado nas redes sociais, o que gerou elogios e críticas. (veja o vídeo mais abaixo)


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


Madeleine, de 29 anos, é a proprietária da empresa que faz esse tipo de trabalho há cerca de três anos. Ela usou a legenda “Lindo e velho golden retriever preservado para sua família. Finalmente pronto para ir para casa”. Os comentários se dividem entre os que elogiam a preservação, e os que pensam ser algo sombrio demais pensar em manter o animal sem vida preservado.


Normalmente os pedidos dos clientes são para montagem completa de taxidermia, que mantém o aspecto físico do animal. A preservação de peles só se tornou popular recentemente, explicou a empresária ao Yahoo! News, Australia.


Segundo ela, já foram feitas encomendas de preservação de outros animais, como gatos, ratos, coelhos, porquinhos-da-índia cabras, "qualquer animal que você imaginar dá para preservar com a taxidermia", revela Madeleine, que começou a fazer esse trabalho quando tinha 18 anos.


Apesar de às vezes achar difícil usar a taxidermia em animais de estimação pelo aspecto emocional, por outro lado ela acredita ser gratificante conseguir ajudar aqueles que estão sofrendo pela perda de seu animalzinho tão querido.


Além de peles e taxidermia em tamanho real, a empresa oferece o serviço de preservação de patas ou até mesmo coração dos animais.


O gato foi preservado ao lado do seu coração e o buldog alemão foi um mantido na posição em que dormia
O gato foi preservado ao lado do seu coração e o buldog alemão foi um mantido na posição em que dormia   Foto: Reprodução/Instagram

* com informações de indy100


Logo A Tribuna
Newsletter