Bolsonaro sinaliza que Meio Ambiente e Agricultura serão ministérios distintos

Presidente eleito disse que mantiver o ministério do Meio Ambiente, a pasta será comandada por "alguém voltado para a área, sem ser xiita"

Por: Do Estadão Conteúdo  -  01/11/18  -  21:25
  Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) sinalizou nesta quinta-feira (1º), em entrevista a TVs católicas, que as pastas de Meio Ambiente e Agricultura vão permanecer como ministérios distintos após a reforma administrativa que ele propõe.


"Nós tínhamos uma ideia inicial, mas agora, pelo que tudo indica, Meio Ambiente e Agricultura serão ministérios distintos", afirmou.


Bolsonaro disse ainda que, se mantiver o ministério do Meio Ambiente, a pasta será comandada por "alguém voltado para a área, sem ser xiita". A expressão é a mesma usada por ele na semana passada, quando em transmissão ao vivo para redes sociais havia dito que poderia desistir da fusão do órgão com a Agricultura.


Para o presidente eleito, o País é o que "mais protege" o meio ambiente. "O que a gente defende é não criar dificuldade para o nosso progresso", comentou.


Logo A Tribuna