Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Anvisa decidirá sobre liberação do uso emergencial de vacinas neste domingo

Se for aprovada, a vacinação em todo o país pode começar na próxima semana

Por: Do Estadão Conteúdo  -  16/01/21  -  16:15
Nova norma prevê que equipe médica informe gestante sobre a possibilidade de visualizar o feto
Nova norma prevê que equipe médica informe gestante sobre a possibilidade de visualizar o feto   Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Instituto Butantan e a Fiocruz já entregaram à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) todos os documentos necessários para liberação do uso emergencial das vacinas contra Covid-19 no Brasil.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


A diretoria colegiada da Anvisa terá reunião neste domingo (17) para decidir pela liberação ou não da Coronavac e daOxford/AstraZeneca. Os imunizantes serão distribuídos no país pelo Instituto Butantan e pela Fundação Fiocruz, respectivamente.


A Anvisa estava cobrando a apresentação completa dos documentos para avaliação. Neste sábado (16),conforme dados atualizados do painel da agência sobre andamento da análise das vacinas, 44,86% dos documentos da Coronavac já haviam sido analisados, enquanto 55,14% estavam em análise. No caso da vacina de Oxford/AstraZeneca, 49,45% do processo estava concluído e 50,55% estava pendente.


Caso a Anvisa aprove o uso emergencial das vacinas neste domingo, a vacinação em todo o país começaria já na próxima quarta-feira (20). Para oficializar a campanha de vacinação, o Ministério da Saúdeplaneja um evento no Palácio do Planalto. Em entrevista à Rádio CBN, o Secretário de Saúde de São Paulo, JeanGorinchteyn, diz que a vacinação no estado de São Paulo pode começar na segunda-feira (18).


Logo A Tribuna