Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Visitante indigesto, Santos quer abrir vantagem contra o Boca Juniors

Com quatro vitórias e um empate em cinco partidas fora da Vila, Peixe faz o jogo de ida em La Bombonera

Por: Bruno Lima & Da Redação &  -  06/01/21  -  10:12
Atualizado em 06/01/21 - 10:39
Kaio Jorge tem 5 gols na competição
Kaio Jorge tem 5 gols na competição   Foto: Ivan Storti/Santos FC

A espera do torcedor do Santos está perto de terminar. Nesta quarta (6), às 19h15, o Peixe visita o Boca Juniors, na mítica Bombonera, em Buenos Aires, pelo duelo de ida das semifinais da Libertadores. E os comandados de Cuca pisarão no gramado preferido do saudoso Diego Maradona embalados pelo rótulo de visitante mais indigesto da competição.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Na atual edição da Libertadores, o Santos fez cinco jogos fora de casa e não perdeu nenhum. Foram quatro vitórias e apenas um empate, por 1 a 1, contra o Grêmio, na partida de ida das quartas de final.
Nos demais compromissos, o Peixe venceu Defensa y Justicia, na Argentina, Delfín, no Equador, Olimpia, no Paraguai - todos na fase de grupos - e a LDU na temida altitude de Quito, já pelas oitavas de final.


O único time que também segue invicto como visitante (e mandante) na Libertadores é o Palmeiras. O Verdão, porém, empatou por duas vezes longe do Allianz Parque.


O Boca Juniors, que na próxima quarta-feira visitará a Vila Belmiro, a partir das 19h15, tem três vitórias, um empate e uma derrota fora de casa. Curiosamente, o desempenho dos argentinos como mandante é idêntico, sendo que a única derrota dentro da Bombonera nesta Libertadores foi para o Internacional, por 1 a 0, no segundo embate das oitavas de final. Como haviam vencido no Beira-Rio pelo mesmo placar, Tevez e Cia. garantiram a classificação nas cobranças de pênaltis.


Números


Marinho e Kaio Jorge são os artilheiros do Santos nos confrontos pela Libertadores longe da Vila Belmiro. Ao todo, cada um já balançou as redes adversárias em três ocasiões.


Kaio Jorge, aliás, é o vice-artilheiro da competição com 5 gols, atrás apenas de Borré, do River, e de Salvio, do Boca, que têm 7, e de Martínez, do Barcelona, com 8. Marinho, com 4, vem logo atrás do companheiro de time.


Coletivo


Coletivamente, o Santos tem 10 gols marcados e 6 sofridos fora de casa. O River Plate, com 15 gols marcados, tem o melhor ataque e o Boca, com apenas 2 sofridos, tem a melhor defesa dos visitantes.


Boca Juniors
Andrada; Buffarini, Lisandro López, Izquierdo e Fabra; Salvio, Capaldo, Jara e Villa, Soldano e Carlos Tevez. Técnico: Miguel Ángel Russo.


Santos
John, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Sandry (Lucas Braga); Soteldo, Marinho e Kaio Jorge. Técnico: Cuca.


Árbitro: Roberto Tobar (Chile).Local: La Bombonera, em Buenos Aires, quarta-feira, às 19h15.


Logo A Tribuna