Santos visita o Corinthians no primeiro jogo da final do Paulistão Sub-20; confira a escalação

Peixe e Timão se enfrentam às 20 horas desta sexta-feira (4), na Arena Barueri

Por: Bruno Lima  -  04/11/22  -  06:56
Os contra-ataques com Ivonei e Fernandinho são uma das armas do Santos nesta noite
Os contra-ataques com Ivonei e Fernandinho são uma das armas do Santos nesta noite   Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Santos e Corinthians iniciam na noite desta sexta-feira (4) a disputa pelo título do Campeonato Paulista Sub-20. O confronto, com mando de campo do Timão, acontece às 20 horas, na Arena Barueri. O duelo de volta está marcado para o próximo dia 12, às 17 horas, na Vila Belmiro.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


Por causa desse jogo, o técnico da equipe principal do Peixe, Orlando Ribeiro, não relacionou o zagueiro Derick e o meia atacante Miguelito para a partida da última quarta-feira (2), em Goiânia, contra o Atlético-GO, que o Alvinegro venceu por 3 a 2.


A decisão foi a de mantê-los treinando com a equipe sub-20, pois ambos são titulares e importantes no time do técnico Antônio Carlos, o Buião.


E, com a dupla à disposição, Buião, satisfeito com o desempenho da equipe no segundo duelo das semifinais contra a Portuguesa de Desportos, que terminou com a goleada de 4 a 1 para o Alvinegro, na Vila Belmiro, decidiu, segundo o apurado por A Tribuna, por iniciar o clássico desta noite com o mesmo time.


Assim, o provável Santos será composto por: Eduardo; Cadu, Derick, Jair e Kevyson; João Victor, Hyan e Ivonei, Miguelito, Enzo e Fernandinho.


O plano da comissão técnica é segurar o ímpeto corintiano e explorar os contra-ataques com o ótimo momento vivido por Ivonei, no meio-campo, e a velocidade e técnica de Miguelito e Fernandinho pelos lados do campo.


Seguindo a determinação do Ministério Público de São Paulo, que proíbe a presença de torcidas rivais em clássicos estaduais, o clássico desta noite contará apenas com a presença de corintianos.


Na grande final, na Vila Belmiro, o procedimento irá se repetir, e somente os torcedores do Santos terão acesso ao estádio.


Logo A Tribuna
Newsletter