No primeiro clássico do ano, Santos vence o São Paulo no Pacaembu

Com gols de Luiz Felipe e Derlis González, Peixe manteve o 100% de aproveitamento no Campeonato Paulista na vitória por 2 a 0

Por: De A Tribuna On-line  -  27/01/19  -  22:03
Atualizado em 27/01/19 - 22:04
Pelo segundo jogo consecutivo, paraguaio Derlis González marcou um dos gols da vitória santista
Pelo segundo jogo consecutivo, paraguaio Derlis González marcou um dos gols da vitória santista   Foto: Ivan Storti/Santos FC

No primeiro grande teste do ano, até agora, o Santos venceu o São Paulo por 2 a 0 no primeiro clássico do Campeonato Paulista na tarde deste domingo (27). Em partida realizada no Pacaembu, o Peixe foi melhor que o rival e fez por merecer o resultado. Luiz Felipe, de cabeça, no primeiro tempo e Derlis González, na etapa final, garantiram a terceira vitória santista em três jogos no torneio estadual.


O Santos mantém a liderança do Grupo A com nove pontos em três partidas. Agora, o time de Sampaoli tem sete gols marcados enquanto que a defesa ainda não sofreu nenhum. Na próxima rodada, o Peixe volta a jogar fora de casa diante do Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança, na quinta-feira (31) às 19h15. O São Paulo também volta a campo no mesmo dia. No Pacaembu, o Tricolor mede forças contra o Guarani, às 21h.


Santos e São Paulo entraram em campo como os únicos dois times que venceram nos dois primeiros jogos do Paulistão. O Santos imprimiu o mesmo estilo de jogo das primeiras rodadas ficando com a bola no pé por mais tempo que o adversário. No primeiro tempo, as particpações de Vanderlei eram apenas com os pés, uma vez que o São Paulo não ofereceu perigo à meta santista. Ao fim da etapa inicial, o Santos tinha mais de 60% de posse de bola.


Titular pela primeira vez na temporada, Soteldo quase abriu o placar após bela passe de Diego Pituca. O venezuelano ficou cara a cara com Tiago Volpi na entrada da grande área, mas o goleiro são-paulino evitou o gol após bela defesa. Ainda na primeira etapa, outro estrangeiro, dessa vez Derlis González foi quem levou perigo. O paraguaio recebeu na grande área e sua finalização foi desviada pelo lateral-esquerdo Reinaldo.


Luiz Felipe se antecipou ao goleiro Tiago Volpi e abriu o placar no Pacaembu
Luiz Felipe se antecipou ao goleiro Tiago Volpi e abriu o placar no Pacaembu   Foto: Ivan Storti/Santos FC

Melhor em campo, o Santos foi premiado aos 45 minutos. Após cobrança de falta de Jean Mota, Luiz Felipe apareceu na pequena área e desviou para o gol antes de Tiago Volpi, abrindo o marcador no Pacaembu. Este foi o primeiro gol do zagueiro na temporada, enquanto que Jean Mota se fez presente mais uma vez, tendo participação em pelo menos um gol em cada um dos três jogos que o Peixe fez no Paulistão.


No segundo tempo, André Jardine, treinador são-paulino, voltou do intervalo com a entrada de Diego Souza para atuar próximo a Pablo, que teve atuação apagada na primeira etapa. O São Paulo teve mais posse de bola nos primeiros minutos, mas não era incisivo. Em reposta, Sampaoli mudou o seu esquema tático colocando Copete no lugar de Jean Mota e Felipe Aguilar no lugar de Orinho. O zagueiro colombiano, inclusive, fez sua estreia com a camisa do Peixe.


O Tricolor se lançou ao ataque e, aos poucos, deixava espaços para o Santos contra-atacar. Em um desses lances, após cobrança de falta na área do Peixe, Alison ficou com o rebote e fez belo lançamento para González, já no campo de ataque. O paraguaio driblou o goleiro e empurrou para o gol vazio. Derlis, que não estava inscrito para a primeira rodada e poderia ser negociado, marcou seu segundo gol em duas partidas no Campeonato Paulista.


Diego Pituca foi um dos destaques na vitória do Santos sobre o São Paulo no Pacaembu
Diego Pituca foi um dos destaques na vitória do Santos sobre o São Paulo no Pacaembu   Foto: Ivan Storti/Santos FC

Ficha técnica


Santos 2 x 0 São Paulo


Local - Estádio do Pacaembu, em São Paulo


Árbitro - Vinicius Furlan


Cartões amarelos - Hudson, Reinaldo, Derlis González, Diego Pituca, Arboleda, João Paulo, Copete, Carlos Sánchez, Bruno Alves e Felipe Cardoso


Público e renda - 18.601 pagantes /R$ 630.964,00


Gols - Luiz Felipe, aos 44 minutos do prmeiro tempo; Derlis Gonzalez, aos 21 minutos do segundo tempo


Santos - Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Orinho (Copete); Alison, Diego Pituca, Carlos Sánchez e Jean Mota (Aguilar); Soteldo (Felipe Cardoso) e Derlis González. Técnico: Jorge Sampaoli.


São Paulo - Tiago Volpi; Bruno Peres, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei, Hudson (Brenner) e Nenê (Liziero); Everton, Helinho (Diego Souza) e Pablo. Técnico: André Jardine.


Logo A Tribuna