Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Marinho 'contesta' prêmio de melhor em campo contra o Boca: 'Outros companheiros mereciam'

Atacante do Santos usou as redes sociais para falar que colaborou coletivamente, mas esteve abaixo individualmente

Por: Por A Tribuna.com.br  -  07/01/21  -  11:12
Atualizado em 07/01/21 - 11:31
Marinho recebeu o prêmio de melhor em campo contra o Boca Juniors
Marinho recebeu o prêmio de melhor em campo contra o Boca Juniors   Foto: Ivan Storti / Santos FC

Após o empate sem gols diante do Boca Juniors nesta quarta-feira (6), na Bambonera, pelo primeiro jogo das semifinais da Copa Libertadores da América, o atacante Marinho recebeu da Conmebol o prêmio de melhor jogador em campo. O jogador do Santos utilizou as redes sociais para valorizar o elenco e dizer que teve companheiro que mereceu o prêmio mais do que ele.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Marinho se considerou "abaixo individualmente". O camisa 11 do Peixe evidenciou isso em seu Instagram. "Seguimos firmes e constantes nos objetivos. Parabéns, turminha! Pela dedicação e empenho de todos. O prêmio hoje vai para toda equipe. Fui abaixo individualmente, porém sei que contribui muito coletvivamente. Sei que companheiros meus mereciam esse prêmio mais do que eu", disse Marinho.


O atacante do Peixe protagonizou o lance mais polêmico da partida. Aos 29 minutos do segundo tempo, o volante Alison lançou a bola para Marinho, que invadiu a área e foi derrubado por Izquierdo. O árbitro chileno Roberto Tobar marcou apenas tiro de meta para o Boca, após um consulta via rádio ao VAR. O Santos enviará um ofício à Conmebol externando sua insatisfação com a atuação do VAR.


Logo A Tribuna