Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Fora dos planos do Santos, Lucas Venuto sequer treina com o elenco profissional

O atacante deve novamente ser emprestado para enxugar a folha salarial

Por: Bruno Lima  -  08/03/21  -  18:56
Lucas Venuto está fora dos planos do Peixe
Lucas Venuto está fora dos planos do Peixe   Foto: Ivan Storti / Santos FC

De volta ao Santos após o disputar o Campeonato Brasileiro pelo Sport, o atacante Lucas Venuto está fora dos planos. Vinculado ao Peixe até dezembro do ano que vem, o jogador deve novamente ser emprestado para enxugar a folha salarial. 


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Fora das listas de inscritos do Campeonato Paulista e da Libertadores, Venuto sequer tem treinado com o elenco profissional. O desejo da diretoria santista é cedê-lo para algum outro clube para que possa ao menos dividir os vencimentos mensais de R$ 150 mil do atleta.


Atacante de lado de campo, Venuto tem sido preterido por garotos da base, como Ângelo e Allanzinho, além de Lucas Braga, Soteldo e Marinho, titulares da equipe. 


Contratado em agosto de 2019 após se desvincular do Vancouver Whitecaps, do Canadá, o atacante de 25 anos acumula apenas cinco partidas com a camisa do Santos, sempre entrando no decorrer das partidas. Somadas, as participações de Venuto pelo Peixe totalizam apenas 65 minutos em campo. 


A última ocorreu na derrota por 2 a 0 para o Ituano, em Itu, pela primeira fase do Campeonato Paulista de 2020, quando atuou por apenas 11 minutos. 


Considerando o número de partidas e os salários pagos, cada jogo de Venuto custou R$ 267 mil aos cofres alvinegros. Isso sem que o atacante marcasse gols ou colaborasse com assistências. 


No Sport, o desempenho também não foi positivo. Emprestado em agosto do ano passado, o atacante foi utilizado em apenas oito compromissos do rubro-negro pernambucano. Porém, somente em duas oportunidades foi titular: no empate por 1 a 1 com o Atlético-GO, em Goiânia, e na derrota para o São Paulo, em Recife, por 1 a 0. 


Assim como no Santos, Venuto não balançou as redes adversárias, tampouco serviu companheiros com assistências.


Logo A Tribuna