Logo A Tribuna
ASSINE
Icone usuario ENTRAR
CLUBE IMPRESSO ACERVO ASSINANTE

Copete comemora poder voltar a ajudar o Santos: 'Minha raça e meu amor pelo clube'

Após 200 dias apenas treinando, o colombiano foi inscrito para defender o clube na atual temporada

Por: Do Estadão Conteúdo  -  06/03/21  -  12:30
Copete é inscrito e já pode voltar a defender o Santos
Copete é inscrito e já pode voltar a defender o Santos   Foto: Ivan Storti / Santos FC

O estrangeiro com mais gols na história do Santos está feliz da vida. O colombiano Copete foi inscrito para defender o clube na atual temporada e comemorou como se tivesse balançado as redes adversárias.


Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!


Dono de 26 gols pelo clube, o jogador ficou um enorme período no ostracismo por causa da impossibilidade de o clube inscrever jogadores. O atacante foi devolvido pelo chileno Everton em agosto e não havia a possibilidade de jogar, mesmo com o Santos carecendo de reforços.


Copete ficou treinando por mais de 200 dias e auxiliava os companheiros com dicas. Agora, com sorriso no rosto, festeja a inscrição no Campeonato Paulista e não vê a hora de estar no campo.


"Desde que cheguei aqui eu sempre falei que ajudaria o Santos da forma que pudesse. Qualquer coisa para ajudar eu faria", discursou. "Mas voltar a ajudar dentro de campo é uma sensação boa demais. É uma oportunidade grande para seguir mostrando minha raça e meu amor pelo clube."


Copete está nos planos do técnico argentino Ariel Holan e disputará o Campeonato Paulista para readquirir o ritmo de jogo. "Inteiro" e com o físico em dia, poderá ajudar o Santos nas demais competições da temporada.


"Essa primeira semana com o Holan está sendo muito boa. É um treinador moderno e que gosta de buscar o ataque", afirmou Copete. "Ainda pude ajudar ele um pouco com a questão da língua, já que estou no Brasil há muito tempo e entendo bem o português. Esperamos seguir crescendo cada vez mais."


Logo A Tribuna