EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

24 de Outubro de 2019

Novo atacante da Portuguesa, Daniel Bueno já se sente em casa: 'Construindo uma família'

O reforço, que foi anunciado pela Portuguesa Santista esta semana, se diz entrosado e preparado para estrear

Depois de muitos esforços para contar com Daniel Bueno, a Portuguesa Santista enfim anunciou, nesta semana, a contratação do atacante. O jogador, que chega do Noroeste, foi um pedido do técnico Sérgio Guedes, que, pacientemente, esperou uma situação entre a Justiça e o atleta se desenrolar para tê-lo no elenco que comanda.

"Estou desde novembro conversando com a Briosa. O treinador me ligou, mas eu estava com um problema na Justiça. Apareceram outros clubes e eu fui ouvindo as propostas, mas a única pessoa que decidiu esperar essa demora da Justiça foi o Sérgio", contou Daniel em contato com a Tribuna On-Line.

"Então, eu fechei com ele minha contratação e comecei a me preparar fisicamente de casa mesmo, através de conversas pelo WhatsApp com o Everaldo Pierrotti (o preparador). O tempo foi passando, o campeonato (Paulista da Série A2) até começou, e a gente pensou que não fosse dar certo, mas, graças a Deus, deu", disse ainda, agradecendo, em seguida, a paciência do técnico e da diretoria.

Em casa

Embora seja o último dos tantos reforços da Briosa para a temporada a ter chegado a Ulrico Mursa, o atacante já se sente em casa. "O time está entrosado. É fácil se enturmar, porque o pessoal aqui é muito gente boa. Estamos construindo uma família aqui dentro da Briosa", expressou.

Além de ter trabalho com Sérgio Guedes anteriormente, Daniel também já jogou ao lado de Rayllan e Acleisson, durante passagem pelo Rio Claro. Outros atletas do elenco eram velhos conhecidos do novo reforço por já terem se cruzado em outros campos no passado, só que defendendo times diferentes.

'Vim para fazer gols'

A expectativa de como contribuir com a Portuguesa Santista em 2019 não poderia ser diferente: o jogador quer mesmo é balançar as redes. "Atacante tem que fazer gols. Foi para isso que eu vim, para ajudar o clube no acesso que é tão importante não só para a Briosa, mas para os torcedores e para a cidade de Santos também".

Sequência complicada

No próximo domingo (10), às 10h (de Brasília), a Briosa mede forças com o líder do Campeonato Paulista da Série A2, o Água Santa. Em seguida, na quarta (13), joga contra o XV de Piracicaba, quinto colocado com o mesmo número de pontos que o rubro-verde, terceiro na tabela. Ambas as partidas serão em Ulrico Mursa. A segunda tem horário marcado para as 20h.

"Temos uma sequência difícil agora. Vamos pegar dois times que estão na parte de cima da tabela, mas a gente não pode entrar no desespero", falou Daniel.

"O jogo do próximo domingo vale a liderança do campeonato, mas nós temos o fator casa. A Briosa não perde desde o ano passado em seu estádio, então nós vamos bater nessa tecla e quem vai ter que suar é o Água Santa para ganhar da gente", afirmou também.

O atacante ainda garante que está pronto para estrear com a camisa verde e vermelha: "Estou preparado para jogar. A parte física está legal. O contrato já está assinado, agora vamos ver como está a documentação. A parte burocrática fica com a Briosa".

Tudo sobre: