EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

26 de Junho de 2019

Se for campeão na quarta-feira, Palmeiras não receberá a taça após duelo em casa

A possível entrega da taça e das medalhas para o campeão não está previsto para esta rodada, segundo a CBF

O Palmeiras não receberá a taça de campeão brasileiro na quarta-feira, caso conquiste o título ao vencer o América-MG, no Allianz Parque, e contar com outros dois resultados favoráveis na mesma noite. O cerimonial de pódio, medalhas e entrega do troféu não está previsto pela CBF para esta próxima rodada. A tendência é ser realizado apenas no dia 2 de dezembro, no encerramento da competição.

O time do técnico Luiz Felipe Scolari vai se tornar campeão brasileiro na quarta-feira se derrotar o América-MG e os dois adversários diretos não vencerem. Em Porto Alegre, o Inter recebe o Atlético-MG. Já no Rio, no Maracanã, o Flamengo vai enfrentar o Grêmio. Se esta combinação não se concretizar, a disputa vai continuar pelas próximas rodadas.

No domingo o Palmeiras enfrenta o Vasco, em São Januário, e depois, na semana seguinte, terá pela frente o Vitória, no Allianz Parque. Mesmo que a disputa pelo título termine no Rio de Janeiro, a taça só deverá ser entregue na última rodada. O objetivo da CBF é realizar a cerimônia de premiação em uma partida em que o time campeão estiver atuando como mandante.

No ano passado, por exemplo, o Corinthians garantiu o título ao bater o Fluminense por 3 a 1. A taça só foi entregue 11 dias depois, diante do Atlético-MG. Em 2016, o Palmeiras teve a oportunidade de receber o troféu logo após garantir a conquista, ao vencer a Chapecoense. Porém, naquela ocasião a equipe paulista dependia apenas do próprio resultado para se sagrar campeão, diferentemente do cenário desta próxima rodada.

Para o jogo com o América-MG, na próxima quarta-feira, o Palmeiras vendeu antecipadamente 33 mil ingressos. A equipe voltou aos treinos nesta segunda-feira, após o empate por 1 a 1 com o Paraná, em Londrina. Somente os reservas participaram da atividade.