EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

9 de Dezembro de 2019

Galiotte diz que há 'uma falta de atitude e de entrega' por parte dos jogadores do Palmeiras

Presidente do clube alviverde prometeu mudanças no elenco e que uma nova etapa irá se iniciar

O Palmeiras vive sua pior fase no Campeonato Brasileiro deste ano. Sem vencer há cinco rodadas, sendo que, nas últimas três, foi derrotado, o Verdão passará por mudanças em seu elenco. Isso é o que promete o presidente do clube, Mauricio Galiotte, que apontou 'uma falta de atitude e de entrega' por parte dos jogadores.

"Em relação aos últimos jogos, é uma frustração grande para todos nós palmeirenses. Não é esse o futebol que a gente tem como objetivo, que a gente quer. Uma falta de atitude, de entrega dos nossos atletas, falta de postura. Esse não é o Palmeiras que a gente espera, que a gente planeja, não é o Palmeiras que cresceu nos últimos anos", disse o mandatário do Palmeiras neste domingo (1º), depois do revés sofrido para o Flamengo, no Allianz Parque.

O mau momento da equipe gerou uma crise interna, com a demissão do técnico Mano Menezes e do diretor de futebol Alexandre Mattos, e entre os torcedores, que perderam a paciência e, contra o Flamengo, arremessaram cadeiras da arquibancada em campo, o que foi relatado na súmula da partida.

"Vamos ter outras mudanças. Jogador para jogar no Palmeiras precisa ter qualidade, espírito de luta, respeito à camisa e coragem. Essa mudança vai ocorrer em relação também ao plantel. Vamos começar uma nova etapa. Toda nova etapa demanda um período de adaptação, um período de preparação", complementou Galiotte.

Tudo sobre: