Tite sobre críticas a Daniel Alves: 'Eu não vim pra agradar o Twitter'

Tão logo ele teve seu nome anunciado, uma enxurrada de críticas nas redes sociais se abateu

Por: Estadão Conteúdo  -  07/11/22  -  15:28
  Convocação do jogador provocou diversas críticas no Twitter
Convocação do jogador provocou diversas críticas no Twitter   Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Nenhum nome entre os 26 anunciados por Tite nesta segunda-feira para a disputa da Copa do Mundo do Catar pode ser considerado surpresa, mas um deles gerou mais assunto do que todos os outros: Daniel Alves. O lateral de 39 anos, que nas últimas semanas tem apenas treinado, foi convocado para ocupar o posto que faltava pela lateral. Tão logo ele teve seu nome anunciado, uma enxurrada de críticas nas redes sociais se abateu - mas nada que tirasse a convicção do treinador.


Clique, assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe centenas de benefícios!


Com cerca de 30 minutos de coletiva, Tite foi informado por uma repórter que a convocação de Daniel Alves vinha sendo reprovada nas redes sociais, sobretudo no Twitter. Foi a única vez ao longo de mais de uma hora de entrevista em que o treinador se demonstrou desconfortável, chegando a perguntar à jornalista se ela não tinha interesse em "fazer uma pergunta dela" - como se não fosse.


"Que referência é o Twitter com quantos milhões de torcedores que nós temos?", indagou Tite. "Eu não vim para agradar as pessoas que estão no Twitter, nas redes sociais."


Dani Alves havia ficado de fora da última convocação, para os amistosos com Gana e Tunísia, por problemas físicos. Ainda assim, a comissão técnica da seleção considera que isso não será problema para a Copa do Mundo.


"O Dani não veio na convocação de setembro devido a problemas físicos", admitiu o preparador físico Fábio Mahseredjian. "Ele estava com baixos níveis de potência e força. Nós falamos isso com ele no dia 8, antes da data de convocação de setembro. Eu disse a ele abertamente: você precisa melhorar seus níveis de força e potência. Eu me lembro muito bem o que ele me disse: missão dada, missão vai ser cumprida."


Ainda segundo o preparador físico da seleção, o lateral direito - que nas últimas semanas treinou junto com o time B do Barcelona, "mostrou grande evolução nesse quesito" e hoje "é o mesmo Dani das Olimpíadas de 2021".


Tudo sobre:
Logo A Tribuna
Newsletter